Fórum Oficial do Tokio Hotel no Brasil - TH BRASIL OFICIAL FÓRUM
 
InícioPortalRegistrar-seLoginIr para o site@THBRASILOFICIALFacebook

Compartilhe | 
 

 [+++ 18] Mènage com os Twins

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Você acha que a Maria deveria engravidar do Bill?
Sim
41%
 41% [ 9 ]
Não
59%
 59% [ 13 ]
Total dos votos : 22
 

AutorMensagem
Maril MS
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 303
Idade : 23
Localização : vacaria/RS
Data de inscrição : 01/07/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Qua Ago 08, 2012 4:54 pm

Ahhh mas eu mato a Maria!!! Como ousa pegar o meu Bill???? E o Bill é um galinha mesmo!!!
Mas espera eu acordar!! Kkkkkklkklkkk
CONTINUA!!!!!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.facebook.com/marilvana.macedosussela
FantasyTrue
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 348
Idade : 22
Localização : Porto, Portugal
Data de inscrição : 04/07/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Qua Ago 08, 2012 4:55 pm

lixa Não há como resistir babe. está escrito nas stars kkkkkkkkkkkkk
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://twitter.com/FsFantasytrue
Adriana R.
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 406
Idade : 22
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 29/07/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Buscador

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Qua Ago 08, 2012 6:13 pm

UAUHAHUAHUAHAU mais tarde terá novo capítulo, hehehe. Aceito sugestões via pm Wink
Voltar ao Topo Ir em baixo
Adriana R.
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 406
Idade : 22
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 29/07/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Buscador

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Qui Ago 09, 2012 5:58 pm

Capítulo 13: Revenge - The Dirty Idea

Maril acordou e olhou em volta, procurando por Bill. Estranhou a casa estar naquele silêncio. Colocou um roupão e seus chinelos e foi até a sala. Saiu pela casa chamando por Bill, mas nada dele. Achou Tom e Maria na sala abraçados, e algumas lágrimas escorriam através de seus rostos. Maril os chamou, mas Tom fez sinal para que fizesse silêncio e apontou para seu quarto. Maril entendeu que Bill estava lá e foi atrás dele. Encontrou-o sentado no quarto, de pernas cruzadas e mão apoiada no queixo. Olhava para a janela, fitava o nada, e tinha a tristeza em seu olhar. Ela estranhou aquilo e seguiu até o seu lado. Sentou-se e o abraçou com uma mão. Para sua surpresa, Bill retirou sua mão e a segurou, olhando-a nos olhos. Ele chorava, e Maril entrou em desespero.

- O que houve, por que estão todos chorando?
- Maril... Me perdoe.
- Perdoar pelo o que? O que você fez?
- Fiz algo que não deveria ter feito, aborreci meu irmão e provavelmente te chatearei também.
- Explica isso direito.
- Eu... transei com a Maria.

Por um segundo Maril achou que tivesse ouvido errado. Ficou olhando fixamente para ele. Sentiu uma lágrima escorrer por seu rosto, e rápidamente ele a enxugou. Ela estava furiosa, a ponto de explodir, mas se segurou. Preferiu ficar em silêncio.

- E então, me perdoe, por favor. – suplicou ele.
- Você... e a Maria... como pôde? Depois do que lhe disse ontem... Canalha.
- Eu estou arrependido, você não sabe o quanto. Por favor, me perdoe.
- Não.
- Não faça isso comigo, Maril. Foi um deslize...
- Deslize? Agora foi um deslize! Vou deslizar também e transar com o seu irmão, tudo bem para você? – gritou ela apontando o dedo para ele.
- Se acalme...
- Eu vou embora.
- Não faz isso. – pediu ele segurando o braço dela
- Já disse que vou! – afirmou ela dando-lhe um tapa no braço.

Ela se levantou e correu até o armário pegar suas roupas. Quando estava acabando de pegá-las, Bill veio por trás e a puxou, colocando-a contra a parede.

- Eu amo você, o que aconteceu, aconteceu. Meu irmão perdoou a Maria, por que você não pode me perdoar?!
- Não sou o seu irmão. – respondeu ela secamente.
- Ir embora não resolverá nada! O que eu faço para você me perdoar?!
- Me solte.
- Tão fácil assim, sério? – perguntou ele abrindo um meio sorriso.
- Não, idiota, me solte para que eu possa sentar na cama e te dizer o que você deve fazer para que te perdoe.

Como ela pediu, Bill o fez. Maril sentou-se na cama e o chamou para fazer o mesmo. Ele tentou abraçá-la, mas ela logo tirou sua mão.

- E então, o que farei?
- Estou pensando, ou melhor, melhorando minha ideia. – respondeu ela.

Durante alguns minutos Maril ficou de cabeça baixa pensando. Analisou muito até decidir o que iria pedir, afinal, teria que ser muito bem planejado.

- Quero algemas, fitas e um esparadrapo. - pediu ela sem fazer rodeios.
- O que?
- Ande, vamos, isso fará parte do meu plano.
- Você não...
- Sim, agora vá. Sei que você deve ter isso guardado em algum lugar.
- Vou pegar. – respondeu ele olhando-a assustado.
- Não me olhe assim. Foi você quem pediu.


Última edição por Adriana R. em Sex Ago 10, 2012 1:45 am, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
FantasyTrue
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 348
Idade : 22
Localização : Porto, Portugal
Data de inscrição : 04/07/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Qui Ago 09, 2012 6:04 pm

cha
Medo, muito medo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://twitter.com/FsFantasytrue
sam.sousa

Fã


Número de Mensagens : 144
Idade : 22
Localização : brasilia
Data de inscrição : 25/01/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Qui Ago 09, 2012 8:10 pm

vixx o negocio ta ficando legal...continualll logoooooo
Voltar ao Topo Ir em baixo
Maril MS
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 303
Idade : 23
Localização : vacaria/RS
Data de inscrição : 01/07/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Qui Ago 09, 2012 11:05 pm

(Dri acho que sem querer você cometeu flood)
Enfim....ahhhh eu não vou deixar barato para o Bill!!!!!
Hahahaha (risada maligna)
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.facebook.com/marilvana.macedosussela
FantasyTrue
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 348
Idade : 22
Localização : Porto, Portugal
Data de inscrição : 04/07/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Qui Ago 09, 2012 11:21 pm

RISADA MALIGNA MARIL KKKKKKKKKKKKK
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://twitter.com/FsFantasytrue
Adriana R.
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 406
Idade : 22
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 29/07/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Buscador

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Sex Ago 10, 2012 3:40 am

Capítulo 14: V for Vendetta

Aquela ideia de Maril ainda parecia um tanto quanto sem noção para Bill. Ele foi em seu armário e pegou tudo o que ela havia pedido de uma sacola que havia mostrado à Maria outro dia.

- Dê-me tudo isso. – exigiu ela – E deite-se na cama.

Bill não queria discutir, já tinha uma ideia do que aconteceria. Deitou na cama e Maril puxou seus dois braços até a altura da grade. Prendeu-os com as algemas e em seguida passou esparadrapo em sua boca. Bill estava totalmente vulnerável a qualquer maluquice dela. Ela começou a rir, e passou a língua nos lábios.

- Falta só uma coisa – observou ela.

Maril pegou uma tesoura que estava no armário todo revirado dele. Começou a cortar suas roupas, mas logo ele começou a debater as pernas.

- Ah, terei que amarrar suas pernas também! - concluiu ela.

Maril amarrou as pernas dele e continuou a cortar suas roupas. Picotou sua calça e depois sua blusa. Em seguida foi para a cueca. Aos pouco, foi cortando as laterais e indo para onde estava o pênis. Nesse momento Bill suou. E suou frio. Arregalou os olhos como se suplicasse à ela que não fizesse aquilo que ele temia. Ela abriu um sorriso e cortou o resto da cueca.

- Preciso disso para o meu plano. – disse ela apontando para o pênis dele.

Ele estava completamente despido e sem poder reagir. Ela poderia fazer de tudo um pouco com ele, e aquela ideia só a deixava mais animada.

- Vou até a sala. – disse ela.

Bill olhou-a fixamente, e fez um não com a cabeça. Sem se importar, Maril fechou a porta e o deixou ali, amarrado. Agachou-se no corredor e começou a gargalhar. Logo veio Tom saber o que estava acontecendo, e assim Maril o explicou. Pediu para que ele fizesse parte de seu plano, mas antes ele tinha que falar com Maria. Ele conversou com ela, e meio a contragosto, ela deixou. Ele não sabia em como faria parte daquilo, e era disso que tinha medo.

Tom e Maril entraram no quarto. Lá estava Bill.

- Tire sua roupa. – exigiu Maril a Tom.
- O que?
- Ande, tire.

Bill olhava para ela sem entender. Ou pelo menos fingia não entender. Quando Tom ficou completamente nu, Maril o puxou para um canto ao lado de Bill e se agachou. Tom já sabia o que iria acontecer, queria sair dali, mas não dava mais. Maril já o estava chupando, e estava bom. Aquilo foi uma tortura para Bill, pois estava vendo aquela que amava com outro, e não podia fazer nada! E, além do mais, naquele momento ele queria muito se masturbar. Isso o deixava louco, pois ele não podia fazer isso. Maril o chupava com gosto, e Tom estava adorando. E, claro, olhava para o irmão com a cara de prazer que ele sabia que o deixava louco. “Que tortura!” – pensou Bill. Em seguida Maril se levantou e pegou um chicote de dentro da sacola que Bill havia fuçado. Tom sentou-se e ficou olhando aquilo. Ela chicoteou a perna de Bill. Foi subindo, e deu outra chicotada perto de seu pênis, que estava ereto. Subiu mais um pouco e chicoteou perto de seu quadril. Olhou para ele fixamente. Bill suava sem parar, e precisaria de mil toalhas para secá-lo. Ela levantou o chicote e mirou no pênis dele. Ele arregalou os olhos como nunca tinha feito antes. Tom estava rindo na poltrona. Então, com todo o seu gosto, Maril desceu-lhe o chicote. Aquilo lhe doeu na alma! Bill fechou os olhos e começou a lacrimejar. Tom se assustou com o que havia acabado de acontecer, e pediu para que ela parasse.

- Essa é a minha vingança. – respondeu ela friamente, com os olhos fixos em Bill.
- Não acha que já chega? Acho que ele já entendeu o recado.
- Não.
- Então não fico mais aqui. Vou lá com Maria que ganho mais. – Tom saiu andando e pegando suas vestimentas.
Maril bateu com o chicote em sua mão e sentou-se na poltrona. Olhou o chicote durante alguns segundos e voltou-se para Bill. Ele estava todo vermelho, e ela sentiu que Tom tinha razão, ela já havia transmitido o recado.
- Eu vou te soltar, e espero que não volte a fazer o que fez de novo. Senão... – disse ela balançando a cabeça e abrindo um sorriso.
Ele praticamente suplicava por socorro. O olhar dele era de puro desespero e agonia. Quando ficou solto, não tinha forças para se levantar. Maril sentou-se na poltrona e observou enquanto ele criava coragem para se sentar na cama.
- Você não precisava ter judiado tanto de mim... Tá tudo doendo. – reclamou ele colocando a mão em seu pênis.
- Eu não teria feito isso se...
- Ok, já entendi. Não precisa repetir. De onde você tirou tanta força?
- Da raiva, do ódio. Do ciúmes...

Bill se levantou e andou até ela. Olhou-a nos olhos e perguntou:

- Em nenhum momento você ficou com dó de mim?
- A todo momento, porém minha raiva falou mais alto.
- Então estou perdoado? – perguntou ele sorrindo.
- Ainda me quer mesmo depois de tudo isso? – perguntou ela espantada – Mas é claro que te perdoo!
- Eu não deveria querer você mais, mas eu quero... É estranho. Você é diferente. – disse ele se agachando na frente dela
- Claro, aposto que nenhuma garota nunca te bateu tanto e te judiou tanto como fiz hoje. – finalizou ela rindo.
- Isto é verdade, mas não é isso... É que você é.p.. Encantadora. Um tanto quanto violenta e vingativa, mas logo tiro isso de você. – afirmou ele abrindo um sorriso.
- Duvido.
- Aposta?
- Aposto uma noite inteira transando sem parar.
- Gostei! Logo, logo teremos essa noite.
- Você é muito metido.
- Sou confiante, é diferente. – respondeu ele piscando um olho.
- Mas é lindo.
- Lindo mesmo será o tempo que passaremos sem sexo. – murmurou ele olhando para baixo. – Não irá parar de doer tão cedo.
- Será tanto tempo assim? – perguntou ela desgostosa.
- Tempo suficiente para você aprender a jogar xadrez e ficar expert. – afirmou ele gargalhando e se levantando. – Vou tomar banho, você deveria fazer o mesmo depois.
- Vou assim que você sair. Lave bem o seu... ah, você sabe!

Ele saiu pegando o que sobrou de sua roupa, olhou para trás e disse:

- Até minha roupa você cortou, sua sorte é que você dorme de roupa íntima, porque senão... – e então fechou a porta.

Maril estava satisfeita com sua vingança. Sentia-se aliviada, mas havia descobrido uma coisa em meio aquela bagunça toda... Ela realmente o amava.
Voltar ao Topo Ir em baixo
FantasyTrue
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 348
Idade : 22
Localização : Porto, Portugal
Data de inscrição : 04/07/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Sex Ago 10, 2012 3:51 am

Tom ...tom ...tom

Evil or Very Mad
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://twitter.com/FsFantasytrue
Maril MS
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 303
Idade : 23
Localização : vacaria/RS
Data de inscrição : 01/07/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Sex Ago 10, 2012 6:20 pm

Muahahahahahaha (malignamente)
Até parece que vivi isso de verdade...sou bem desse jeito kkkkkkkkkkkk
Aprendeu a lição Bill? A Maril não tá de brincadeira heim!
Kkkkk
Continuaaaa
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.facebook.com/marilvana.macedosussela
sam.sousa

Fã


Número de Mensagens : 144
Idade : 22
Localização : brasilia
Data de inscrição : 25/01/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Sab Ago 11, 2012 7:29 am

nossa que legal continua logooo
Voltar ao Topo Ir em baixo
Joyce Kaulitz th
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1624
Idade : 21
Localização : no quarto com o th
Data de inscrição : 11/11/2011

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Sab Ago 11, 2012 10:40 am

Very Happy nossa esse capitulo foi agressivo kkk continua
Voltar ao Topo Ir em baixo
Adriana R.
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 406
Idade : 22
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 29/07/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Buscador

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Seg Ago 13, 2012 3:20 am

Capítulo 15: Fuck Like a Star

Uma tarde embriagante e reconfortante havia chegado. Maria estava melhor, e logo menos voltaria a trabalhar. Maril e Bill haviam se entendido, e não queriam nada além de ficar juntos. Havia um elo que os conectava, algo que só eles entendiam. Já Tom e Maria tinham um grande amor um pelo outro, um sentimento que havia ultrapassado a superficialidade de antes. Era agradável estar ao lado de Tom, isso fazia Maria se sentir segura, e nem mais atração por Bill ela sentia. Ou pelo menos achava que não.

Aquele apartamento era grande o suficiente para os dois casais ficarem a vontade. Maria e Tom estavam na sala deitados assistindo a um filme, enquanto Bill e Maril estavam no quarto contando peripécias de quando eram crianças. Eles riam e se beijavam, trocavam carícias e trocavam “te amo” o tempo todo. Entretanto, lá na sala, Maria ainda estava cheia de “meas culpas”. Pensava constantemente sobre aquela transa com Bill, ficava se lamuriando em pensamento, se julgando por ter feito aquilo. Por fora, ela aparentava estar bem, sorria com ternura a cada olhada de Tom para ela, e o beijava docemente os lábios carnudos enquanto acariciava seu queixo. Ele estava tão cego de felicidade que não percebia o quão mal estava sua amada. Imaginava que tudo havia acabado no dia anterior, e que a noite que eles passaram juntos e conversando havia sanado toda e qualquer dúvida sobre a relação deles e que haviam resolvido os problemas gerais relacionados à transa de Maria com Bill. Já Maril e Bill estavam perfeitamente bem. Maril já não tinha nenhuma dúvida sobre seus sentimentos, e assim também estava Bill. Depois do ocorrido, colocou em sua cabeça que jamais trairia Maril novamente, até porque seria pedir para morrer.

Depois de horas em completo silêncio, apenas trocando pequenos olhares, sorrisos e beijos, Tom falou:

- Fico feliz de você estar melhor e alegre novamente. Me entristece ver-te triste.
- Creio que minhas lamúrias não estão por completo acabadas. – balbuciou ela.
- Achei que estivesse melhor... Ainda pensando naquilo?
- Difícil esquecer um erro, mais difícil ainda é eu me perdoar.
- Se eu já te perdoei, para quê continuar a se machucar? – perguntou acariciando o rosto dela.
- Porque foi... imperdoável.

Ele não sabia o que fazer para convencê-la de que não valia a pena ficar assim. Para ele, o que tinha passado, passou, e não importava mais. Não naquele caso. Calou-se durante alguns minutos e pensou consigo mesmo, tentando achar uma solução. Era praticamente insolucionável, até que ele teve uma ideia:

- Atrevo-me a dizer que você se culpa tanto porque ainda sente vontade de transar com ele novamente.

Maria se calou. Olhou para o chão e de lá não tirou o olhar. Tom sorriu satisfeito e disse:

- Saiba que sentir desejo por alguém, mesmo amando outro, não é pecado. Eu mesmo sinto grande atração por Maril, e não vejo mal algum nisso.

Dessa vez ela voltou seu olhar para ele. Fitou-o com cara de quem não entende onde aquilo vai parar e arqueou a sobrancelha. Novamente ele sorriu e falou:

- Entremos num acordo, certo? Trair não é problema, contanto que seja só em pensamento, e que não misturemos as coisas. Imaginação é imaginação, sentimento real é sentimento real.

Maria pensou durante segundos e balançou a cabeça concordando. Afinal, ele estava certo, o que passou, passou, ele a havia perdoado, e se ela ainda sentia atração por Bill, não era problema, contanto que ela não botasse em ação nada além de uma conversa simpática com ele. Aquilo aliviou-a de um peso enorme, foi como se tivessem tirado um chumbo de suas costas. Enfim ela voltou a se sentir bem! E aquilo era regogizante.

- Que tal sairmos? – pediu ela sorrindo.
- Para onde?
- Que tal... Motel?

Tom adorou a ideia. Conhecia um Motel ótimo, e tinha certeza que Maria iria adorar.

- Que horas podemos ir? – animou-se ele
- Que tal, agora? – perguntou ela mordendo o piercing de seu lábio inferior, fazendo Tom sorrir maliciosamente.
- Como desejar. – assentiu ele com um olhar sedutor.

Maria foi até o quarto e pegou suas coisas. Tom, como estava sempre com tudo o que precisava nos bolsos de sua calça, ficou esperando-a na porta do apartamento. Logo estavam no carro para o Motel, que ficava a cerca de meia hora do apartamento. Chegaram lá e, por sorte, estavam todos os quartos vagos. Tom escolheu o melhor e mais caro, com tudo o que tinha direito. Maria adentrou-o e ficou maravilhada. Logo defronte à porta de entrada ficava a cama, que era enorme e redonda, e jazia no teto um espelho do mesmo tamanho da cama. Logo atrás ficava uma pequena hidromassagem com uma pequena cascata, e ao lado tinha uma escada que dava para um salão escuro. Na frente da cama tinha um armário, que quando Maria abriu, achou vários cremes e brinquedinhos sexuais. Tinha até uma fantasia de enfermeira e outra de colegial. E, então, aproveitando que Tom estava distraído desligando seu celular, Maria pegou a fantasia de enfermeira e foi ao banheiro, que era logo ao lado do armário. Vestiu-se e, por sorte, a roupa lhe caiu como uma luva. Ela ajeitou os cabelos vermelhos num coque desajeitado e saiu. Parou na porta do banheiro e chamou ele. Tom olhou e passou as mãos por sua boca, em sinal de nervoso e excitação. “Ela está muito sexy” – pensou ele. Foi em direção a ela, mas ela o parou com o dedo e fez sinal para que se deitasse na cama. Ele estava gostando da brincadeira, e em um instante se deitou, com as pernas entreabertas.

- Me disseram que você está com dores nas pernas. Creio que terei de examiná-lo. – disse ela se agachando logo abaixo dele.
- Me doi principalmente no começo da coxa. – reclamou ele sorrindo maliciosamente e lambendo os lábios.
Maria foi tirando sua calça junto da cueca. Jogou as peças no chão e disse:
- Algo está muito inchado aqui. – disse ela apontando para o pênis dele – E só há uma forma de desinchá-lo.
- Qual forma, linda enfermeira?
- Chupando esta área para tirar toda essa tensão.

Então ela começou a chupá-lo. Sua roupa de enfermeira era tão justa que os peitos estavam quase saltando para fora. Ela o lambeu durante um tempo, enquanto acariciava suas bolas. Ele já estava a ponto de gozar quando ela finalmente subiu com a língua até sua boca. Beijou-o e lentamente subiu em cima dele.

- Agora – sussurrou ela em seu ouvido - , preciso fazer um exame prático, para ver se essa região já desinchou.
- Creio que a tensão só aumentou. Acho que é incurável. – disse ele entre gemidos.
- Então terei que perdurar este exame. – disse ela lambendo sua orelha.

Ela se encaixou nele e foi tirando a saia, que saia só com um puxão. Aos poucos Tom foi tirando sua miniblusa de enfermeira, e acariciou seus peitos. Levantou-se até eles e os chupou com toda a sua vontade. Então Maria sussurrou algo em seu ouvido e ele foram para a hidromassagem. Tom se sentou e ela veio por cima dele. A hidromassagem dava um prazer a mais àquela transa, e Maria começou a soltar gemidos altíssimos. Tom levantava a cabeça e abria a boca quando estava prestes a gozar, e perdeu as contas de quantas vezes gozou.

Quando finalmente se cansaram, Tom já não conseguia dormir, e ficou debruçado na cama olhando Maria dormir. Ficou assim durante horas. Acariciou seus cabelos embaraçados e molhados de suor e, quando sentiu sono, deitou-se ao seu lado. Em poucos minutos, entrou num sono profundo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
FantasyTrue
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 348
Idade : 22
Localização : Porto, Portugal
Data de inscrição : 04/07/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Seg Ago 13, 2012 3:36 am

*inundação de gozo por este meu quarto a dentro e a fora*


que é
que é
isso menina?



Voce me mata


vou pedir baixa.


vale a pena esperar dias por isto *.*
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://twitter.com/FsFantasytrue
sam.sousa

Fã


Número de Mensagens : 144
Idade : 22
Localização : brasilia
Data de inscrição : 25/01/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Seg Ago 13, 2012 11:35 am

continua logo!!! safado
Voltar ao Topo Ir em baixo
Maril MS
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 303
Idade : 23
Localização : vacaria/RS
Data de inscrição : 01/07/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Ter Ago 14, 2012 1:00 am

A minha nossa! Maria de enfermeira? Sério? Hiuuumm kkkkkkk
continua antes que eu enfarte!!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.facebook.com/marilvana.macedosussela
Joyce Kaulitz th
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1624
Idade : 21
Localização : no quarto com o th
Data de inscrição : 11/11/2011

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Ter Ago 14, 2012 1:39 am

capitulo bem safadjenho hihi continua
Voltar ao Topo Ir em baixo
Adriana R.
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 406
Idade : 22
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 29/07/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Buscador

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Sab Ago 18, 2012 2:17 am

Capítulo 16: Resistindo ao Irresistível.


Depois daquela noite, Maria não tinha mais dúvidas de que Tom a completava não só sentimentalmente, como também no sexo. Eram como dois ímãs que, quando unidos, completavam um ao outro e não se desuniam jamais.

Aquele Motel estava revirado de cabo a rabo. O armário estava aberto, e as roupas e todo o resto haviam caído. A hidromassagem ainda estava ligada, e ao redor dela, tinha uma gosma branca que brilhava a luz do sol que entrava pela janela. Maria nem quis ir lá ver o que era aquilo, porque já sabia exatamente do que se tratava. Ela ainda não havia se dado conta de onde ela e Tom haviam pegado no sono. Olhou ao redor e percebeu que estavam no tapete. Tom tinha dormido perto dos pés dela, e estava de bruços. Maria estava um pouco mais para cima, e estava completamente nua. Levantou-se e sentiu uma leve pontada de dor na lombar, consequência de ter dormido no tapete. Quando ficou de pé, sentiu toda sua coluna doer. Apoiou-se no armário, que estava logo à frente, e colocou a outra mão nas costas. Sem querer, Maria chutou Tom, o que fez com que ele acordasse. Ele abriu os olhos e não entendeu o porquê de Maria estar daquele jeito. Deu uma segunda olhada, e finalmente entendeu.

- Onde dói? – perguntou ele.
- Tudo! Ai, como dói!
- Deite-se na cama de bruços que te faço uma massagem.

Sem pensar duas vezes ela se deitou, com muita dificuldade, pois até andar doía. Tom sentou-se nas pernas dela e começou a massagear suas costas. Ele foi exatamente onde doía mais. Ah, aquilo aliviou muito a dor dela!

- Nossa – balbuciou ela –, onde você aprendeu a massagear tão bem?
- É só uma coisa que eu sei. – respondeu ele abrindo um sorriso.

Aquela massagem perdurou mais vinte minutos, que foi quando Maria avisou-o de que a dor havia cessado. Ele saiu de cima de suas pernas, e ela sentou na cama. Contorceu as costas e sorriu abismada. Sua dor havia realmente ido embora, era como se nunca tivesse tido nada.

- Você fez uma mágica em minha coluna! – disse ela abraçando-o – Obrigado, meu amor!
- Você me chamou de... Meu amor? – perguntou Tom abobado e afastando Maria.
- Ai... Desculpa... Foi o impulso... Quer dizer... Não que você não seja... É que... Ah, não sei! Não deveria ter dito isso, não é? – Maria não sabia o que dizia para corrigir o que havia dito.
- Você não disse nada de errado. – confessou ele acariciando o rosto dela e sorrindo docemente – Só fiquei... Espantado.
- Mas não foi cedo demais? Não acha que eu deveria ter esperado mais para dizer isso? Ah!
- Shhh. – sussurrou ele pondo o seu dedo na boca dela. – Não diz mais nada. Você é o meu amor. Eu te amo.

Então ele a beijou. Enroscou suas mãos nos cabelos dela, e ela o apertou pela cintura. Beijaram-se apaixonadamente, até que ela o afastou e sussurrou:

- Eu também te amo. Muito.
- Mas, linda, tanto amor assim precisa de comida para sobreviver. – disse ele rindo.
- Ah, você estragou o clima! – resmungou ela cruzando os braços.
- Claro, precisamos comer, estou faminto, e aposto que você também.
- É... Estou mesmo. Vamos comer aqui mesmo?
- Claro! Eles entregam café da manhã, é só ligar lá e pedir. Ligue, enquanto isso, vou tomar banho.

Maria assentiu e Tom foi para o banheiro. Quinze minutos depois o café da manhã chegou e Tom saiu do banho. Eles comeram em silencia, e em seguida Maria foi tomar banho. Logo que saiu, Tom estava com tudo pronto para irem embora. Eles saíram, pagaram a conta, e foram para o apartamento. Chegando lá, encontraram Bill e Maril dormindo no sofá, ambos nus.

- A-ram. – pigarreou Tom na tentativa de acordá-los.

Bill deu um pulo do sofá, acordando Maril no mesmo instante. Ela soltou um grito ao perceber que estava nua, e cobriu-se com as roupas que estavam no chão. Tom riu e disse:

- Já te vi tantas vezes nua que nem é preciso que você fique envergonhada.

Maria gargalhou, assim como Bill, e puxou-o para o quarto. Encostou-o na parede e lambeu sua orelha.

- Mas já quer... Transar? – perguntou ele rindo.
- Não. – respondeu ela sorrindo maliciosamente - Foi só para te excitar.

Largou-o ali, encostado na parede, e foi para a cozinha. Queria algo que sustentasse, pois aquela comida do Motel não a havia satisfeito. Preparou um pão com geleia e um copo de suco de laranja. Percebendo que Bill e Maril ainda estavam deitados no sofá conversando, preparou para eles também. Colocou tudo numa bandeja e levou até o sofá. Eles pegaram, agradeceram e ela se virou. Mas logo Bill a chamou.

- Antes de eu comer, gostaria de falar com você... A sós. Pode ser? – perguntou ele para Maria.
- Claro, mas e você, Maril, não se importa?
- De modo algum. Pode ir, Bill.

Ele sorriu e se levantou. Não estava mais nu, vestia uma bermuda branca e chinelos. Ele a guiou até a lavanderia, encostou-se na lavadora de roupas, cruzou os braços e disse:

- Gostaria de me desculpar pelo outro dia... Você sabe.
- Não há o que desculpar, também tive culpa. – rebateu ela.
- Como não? Eu que levei em frente....
- Eu que comecei.
- Mas eu continuei.
- Vamos mesmo discutir quem tem mais culpa no cartório? Ambos somos culpados, ambos já estamos resolvidos e perdoados. Por que razão voltar nesse assunto? – perguntou Maria incomodada.
- Por que me arrependi, achei que devia lhe pedir desculpas.
- Pois pensou errado. – respondeu ela dando de ombros.
- Você está com raiva de mim, não está? – perguntou ele segurando-a pelo braço.
- Olha, não é que eu esteja com raiva. A verdade é que estou com raiva de mim mesma, não de você.
- Isso não faz o menor sentido.
- Claro que faz. Se você parar para pensar por um minuto, perceberá o motivo da minha raiva.
- Você ainda se sente atraída por mim?
- Sim, e sei que não devia. É errado! Eu amo o Tom, e você a Maril.
- Mas não temos culpa de nos atrairmos um pelo outro. – rebateu ele abrindo um meio sorriso e chegando mais perto de Maria.
- Bill... Pare onde está. – falou ela parando-o com a mão.
- Não consigo – respondeu ele tirando a mão dela – Só de ficar perto de você, já me dá vontade de te beijar.
- Não... é errado... A Maril... O Tom... Eu prometi. Você também.
- Eles não precisam saber. – ele foi chegando mais perto da boca dela.
- Mas minha consciência saberá. Sai. Chega dessa palhaçada. – ordenou ela com voz altiva.

Ela o olhou fixamente e saiu andando. Foi para o quarto e viu Tom deitado, assistindo televisão. Deitou-se ao lado dele e o abraçou. Abraçou-o com toda sua força e amor.

- Relaxa, não precisa quebrar minhas costelas. Não vou fugir. – disse ele rindo e desapertando o abraço dela.
- Me promete que se um dia eu errar, você não vai me dispensar?
- E porque diz isso?
- Me bateu uma insegurança... Um medo... Só prometa, por favor. – pediu Maria ficando em cima de Tom, face a face com ele.
- Prometo, claro que prometo. Eu te amo. Não se preocupe. – confirmou ele dando-lhe um selinho. – Agora fique calma.

Ela se deitou ao lado dele, e por alguns instantes, se sentiu segura, e se esqueceu do ocorrido com Bill.
Voltar ao Topo Ir em baixo
FantasyTrue
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 348
Idade : 22
Localização : Porto, Portugal
Data de inscrição : 04/07/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Sab Ago 18, 2012 2:27 am

Nãoooooo. deixa beijar billete ! que mal feitora. Tom perdoa depois T.T
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://twitter.com/FsFantasytrue
sam.sousa

Fã


Número de Mensagens : 144
Idade : 22
Localização : brasilia
Data de inscrição : 25/01/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Sab Ago 18, 2012 3:59 am

vixxx esse bill não tem jeito....kkkk continuaaaa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Joyce Kaulitz th
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1624
Idade : 21
Localização : no quarto com o th
Data de inscrição : 11/11/2011

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Sab Ago 18, 2012 9:43 am

bill safadinho adorei que capitulo bom esse continua =)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Maril MS
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 303
Idade : 23
Localização : vacaria/RS
Data de inscrição : 01/07/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Sab Ago 18, 2012 9:58 am

Ahhhhhhhh NÃO! Eu vou acabar com a raça do Bill e da Maria junto!!!
Vou dar uns pegas no Tomelo pra ver se você gosta Maria! Hohohohiho
Continua logo Dri!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.facebook.com/marilvana.macedosussela
.JH.
Ao extremo
Ao extremo


Número de Mensagens : 3022
Data de inscrição : 26/02/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Sab Ago 18, 2012 2:07 pm

Joyce Kaulitz th escreveu:
Bill safadinho '
{Ai sim, heim 66}

Continuee
Voltar ao Topo Ir em baixo
Joyce Kaulitz th
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1624
Idade : 21
Localização : no quarto com o th
Data de inscrição : 11/11/2011

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Seg Ago 20, 2012 7:26 pm

aii posta o capitulo queremos a fic safado
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: [+++ 18] Mènage com os Twins   Hoje à(s) 9:06 am

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
[+++ 18] Mènage com os Twins
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 3 de 6Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte
 Tópicos similares
-
» [+++ 18] Mènage com os Twins
» iTunes Brasil: BTK Twins App disponível!
» BTK APP - @Bill: Este é o Lugar Onde Acontece
» BTK Twins - Tom: Adeus Olimpíadas (12.08.2012)
» BTK Twins - Bill: Gravações vocais (13.08.2012)

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
TH BRASIL OFICIAL - Fórum :: Fan Stuff :: FanFics-
Ir para: