Fórum Oficial do Tokio Hotel no Brasil - TH BRASIL OFICIAL FÓRUM
 
InícioPortalRegistrar-seLoginIr para o site@THBRASILOFICIALFacebook

Compartilhe | 
 

 [Kaulitzcest] O Doce Desejo (+18)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
bitchesinmylife

Fã


Número de Mensagens : 83
Idade : 20
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 10/01/2013

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: [Kaulitzcest] O Doce Desejo (+18)   Dom Jul 07, 2013 4:45 am

- ATENÇÃO ESSA FIC CONTEM KAULITZCEST E SEXO ENTÃO SE VOCÊ NÃO GOSTA NEM LEIA -

Olá Aliens, em fim aqui vai mas uma One pra vocês, vamos ao que interessa e me deem uns créditos não ficou tão boa porque é a minha primeira Kaulitzcest poxa, então se vocês gostarem comentem que eu vou agradecer muito *-*

--------------------------------------------------------------------------------------------------------

Nome: O Doce Desejo
Autor: Bianca Farias
Classificação: +18
Gênero: Romance
Beta-Reader: Minha mãe, sim ela leu e gostou u.u
Nº de capítulos: 1
Terminada ou não: Sim
Teaser (sinopse): “Se você ama alguém de verdade não tenha medo de assumir, somos todos iguais. Por que o que importa mesmo é o amor e se ele for verdadeiro nada nem ninguém pode destruí-lo”.


 



O último ano do ensino médio havia chegado ufa ainda bem só mais um ano de escola e já ficaria livre daquele lugar onde estudei desde meu primeiro ano do ensino fundamental. Já aprontei poucas e boas naquela escola, já peguei a maioria daquelas gurias e foi na 7º série que eu descobri meu interesse por garotos também. Não fiquei com muitos garotos de lá da escola. Naquele ano tudo na minha vida iria mudar.
Depois de voltar das férias de fim de ano era bom rever aquela escola, as tias da cantina, os amigos em fim no começo do ano tudo é bom...  Só não me agradava rever as caras dos mesmos professores exceto aquela professora gostosa Sophia, eu e meus melhores amigos Gustav e Georg cobiçávamos a professora com os olhos. Adivinha de quem seria a primeira aula? Haha Olá professora, mas algo quero, dizer alguém me chamou mais atenção do que aqueles seios fartos da professora era um garoto não muito magro um pouco musculoso , com cabelos loiros meio jogado pro lado , um estilo exótico ele tinha tatuagens e piercings que por sinal eram em lugares incríveis ele se sentou na ultima cadeira da primeira fileira . Como eu Gustav e Georg, adorávamos a aula da professora Sophia, sentamos nas primeiras cadeiras. Não sei por que mais estava contando os minutos para a aula dela acabar, não aguentava mas ouvir aquela voz foi ai que ela decidiu que íamos nos apresentar porque tinha muita gente nova na sala, então começamos a dizer nossos nomes e então chegou a vez do garoto loiro com tatuagens e piercings Bill, seu nome era Bill a voz dele tinha um tom tão belo que pareceu música para os meus ouvidos. Logo percebi as jogadas de olhares que a Melissa jogava nele, Melissa tão boazinha sempre me satisfez quando precisei, logo quando a aula acabou fui em direção de Bill ele me olhou com um pouco de receio acho que medo que eu falasse algo do estilo dele, mas eu também não podia falar nada eu usava umas roupas um pouco largas, tinha tatuagens e piercings também e meu cabelo era cumprido. Quando disse “oi” percebi que seu rosto mudou completamente com um sorriso retribuindo ele pegou em minha mão, convidei-lo para sentar junto comigo e meus amigos ele aceitou pegou suas coisas e sentou atrás de mim logo o professor mais chato de matemática chegou, ele nem falou nada e já foi logo passando assunto novo, o incrível que tudo o que ele perguntava Bill respondia sem pressa como ele era inteligente como ele conseguia aquilo? Hum ter Bill como amigo seria muito bom, ele era muito inteligente não que eu quisesse abusar dele mais ele iria virar meu parceiro nos trabalhos de matemática. Bill era muito engraçado me fez rir até a ultima aula, depois da aula perguntei se ele queria ir pra minha casa jogar vídeo game com Gustav e Georg ele disse que não podia porque trabalhava em um Pet shop, ele também amava animais, igualzinho a mim. Depois de muitos dias Bill chegou em mim e disse que estaria de folga se aquele convite de jogar vídeo game estivesse de pé ele aceitaria eu logo disse que estava, depois da aula fomos para minha casa, Gustav , Georg e Bill. Minha mãe havia preparado um almoço delicioso e por pura coincidência Bill me disse que sua mãe também se chamava Simone, eu e Bill tínhamos muita coisa em comum, era tão bom ter a companhia dele é como se eu estivesse com o meu próprio irmão mas como eu não tinha irmãos, Bill sempre me entedia perfeitamente até que eu não sei o que me deu e eu fiquei com muita raiva ao ver ele conversando com a Melissa e rindo, eu não estava com ciúmes da Melissa por mim ela poderia ficar com quem ela quisesse mas eu estava com ciúmes do Bill como assim? Tá eu sou bissexual mas isso era uma loucura eu está com ciúmes do meu amigo que eu considerava um irmão, quando Bill chegou e me disse “oi” mal o respondi ele logo percebeu e achou que eu estivesse com ciúmes da Melissa eu logo tirei isso da cabeça dele, Melissa não me interessava! Depois de conversamos muito pergunte-lhe se tinha namorada ele logo me respondeu que não e ficou meio que sem jeito não entendi a reação dele, erámos amigos não tínhamos o que esconder um do outro ficamos uma aula sem darmos uma palavra isso era estranho sempre estávamos conversando Gustav até estranhou.
Depois de um tempo eu estava percebendo que Bill estava se afastando de mim, não nos falávamos mais como antes, nem ia na minha casa quando estava de folga, nem conversamos pelo chat do facebook, estava tão estranho. Ultimamente andava faltando na escola, era estranho pois desde que começou o ano Bill nunca havia faltado e agora que estávamos quase nas férias de julho ele começou a faltar . Até minha mãe me perguntou por que ele nunca mais tinha ido lá eu fiquei até sem saber o que responder. Quando chegou as férias de julho só nos vimos duas vezes no máximo o mês inteiro se fosse antes acho que tínhamos passado as férias juntos, até que eu fui na casa dele mas o pai dele me disse que ele estava viajando, estranho ele não tinha me falado que iria viajar nem para me convidar... Passei o mês inteiro indo para as baladas e festinhas de família e até passei uma noitinha com a Melissa, mas não foi igual das outras veze, eu não estava com “aquela empolgação”. Quando voltamos de férias até que fim vi Bill ele estava com uma pele bronzeada um sorriso que brilhava mais que o sol ele me abraçou e disse que estava com saudades, eu logo dei uns carões nele por não ter me convidado para viajar ele logo me disse que foi para o Brasil com a mãe resolver uns assuntos de trabalho eu por um lado até entend , eu achei que naquele momento nossa amizade iria voltar a ser como antes mas me enganei ele continuou afastado de mim  mal conversava comigo, eu estava sentindo falta do meu velho amigo.
Uma semana depois das férias o chatão do professor de matemática passou um trabalho e adivinha ele que iria formar as duplas, Clemente e David, Gustav e Georg.... Ótimo eu vou ficar sozinho – Disse eu emburrado cruzando os braços - Bill e Tom. Hum Bill e Tom, isso era mais que ótimo era perfeito iriamos tirar um 10 com a inteligência de Bill e a minha caligrafia perfeita. Sempre combinávamos o dia para fazer esse bendito trabalho e Bill adiava sempre tinha algo pra fazer, quando faltou dois dias para a entrega do trabalho eu encostei Bill na parede e disse que se ele não fosse fazer esse trabalho hoje na minha casa eu faria sozinho, até eu me assustei com a minha atitude, eu senti que a respiração dele ficou mas ofegante e seu coração batia mas rápido vi que ele ficou nervoso  eu logo desencostei ele da parede e disse pra ele ir hoje sem falta fazer esse trabalho ele apenas confirmou com a cabeça pegando suas coisas e saindo correndo da sala, ele nem se quer me esperou fui pra casa sozinho e por algum motivo eu não conseguia esquecer aquela cena quando eu o encostei na parede e ficamos próximos um do outro por algum motivo aquilo estava martelando minha cabeça, quando cheguei em casa mal toquei na comida fui direto tomar um banho estava exausto cai na cama estava um calor daqueles então fiquei sem camisa mesmo só com uma calça, tive sonhos estranhos com o Bill. Quando escutei uma voz em longe me chamando quando abri meus olhos era Bill olhando pra mim dando risada, ele sorriu e sentou na cadeira ele logo me disse “Tom seu sonho estava ótimo, você gritava ai amor eu quero mais, você estava gemendo cara” e solta mais risadas, ele estava zombando de mim a se ele imaginasse que era com ele que eu estava sonhando, claro que fiquei com vergonha perguntei pela minha mãe ele me disse que quando ele estava chegando ela estava saindo, droga esqueci que hoje ela iria fazer turno no hospital! logo olhei no relógio era 5:00 da tarde perguntei porque ele não veio mas cedo ele me olhou e disse “Tom, Tom, Tom (suspirou fundo) eu trabalho você sabia? Não sou igual a você que fica o dia inteiro dormindo!” ele ficou me encarando achei que ele estava com raiva e então ele começou a ri e se levantou abrindo o livro dizendo “Vamos logo Tommy que eu tenho que chegar em casa cedo, hoje minha mãe e meu pai vão sair e eu quero chegar antes deles saírem” logo peguei minhas coisas e então sentamos no chão e colocamos as coisas em cima da cama, eu percebia que Bill me olhava de outra maneira como se quisesse algo ou admirando algo, quando terminamos o trabalho Bill pegou suas coisas e saiu da minha casa como se estivesse com pressa a casa dele era pertinho uns dez minutos da minha eu sentei no sofá com um copo cheio de coca-cola não dei quinze minutos minha campainha toca quando abri era Bill olhando pra mim com sua bolsa nas costa e o livro na mão, preocupado perguntei o que tinha acontecido ele olhou pra mim e falou “Acho que esqueci minha chave aqui, minha mãe e meu pai não estão mas em casa” disse ele com uma cara que tinha comido algo e não gostou ele sentou-se no sofá e eu fui procurar as chaves dele quando abri minha bolsa lá estavam elas acho que eu coloquei lá por engano achando que era a minha. Desci com a chave de Bill em minhas mãos foi ai que eu tive a ideia de dizer que como os país dele não estavam em casa ele poderia ficar mais um pouco e jogar uma partida de vídeo game comigo, ele me deu uma desculpa esfarrapada e pegou as chaves da minha mão. Me levantei do sofá ele estava indo em direção a porta e então eu perguntei “Bill  o que está acontecendo?” “Nada” assim ele me respondeu “Como nada Bill! Você não conversa mas comigo, nunca mas veio aqui em casa, nas férias no máximo nos vimos duas vezes,  me diga o que está acontecendo?” “Nada Tom, é só que...” “Anda Bill me diz?” “Tom esquece isso, por favor esquece isso” “Nada disso, anda me conta o que está acontecendo cara somos amigos” Bill sentou-se no sofá com os olhos cheios de lágrimas “Esse é o problema” disse ele cruzando os braços eu fiquei confuso com aquelas palavras sentei-me ao lado dele e perguntei “Que problema?” Bill suspirou fundo olhou em meus olhos e começou a falar “Tom eu não queria dizer mas você não está me dando saída... Eu sempre fiquei com garotas não muitas como todos os garotos da nossa idade costuma ficar” “Sim, continue” “Então... Eu nunca fiquei com nenhum garoto, mas quando te conheci senti algo forte, algo que eu sentia por garotas, não sei o que está acontecendo mas acho que estou apaixonado por você. Mas por favor Tom não acabe com a nossa amizade ela é muito importante para mim” disse Bill com algumas lágrimas que caiam em seu rosto eu fiquei sem palavras meu coração batia mas forte eu não sabia o que dizer naquele momento eu só conseguia encarar Bill eu estava com medo de está apaixonado por ele também mas já era tarde demais quando ele ia se levanto do sofá em direção a porta eu puxei sua mão que o fez cair de volta no sofá, eu gaguejava muito nenhuma palavra saia de minha boca, eu apenas queria fazer algo para inverter aquela situação de aflição eu me aproximava dele cada vez mas, nossas respirações começaram a ficar cada vez mas profundas meus lábios se aproximavam dos dele, aqueles lábios que eu também estava desejando eu apenas ouvi Bill dizer “Tom isso  não é certo” não sei como aquilo saiu de minha boca mas eu apenas disse “O que não é certo é ficarmos aqui sentindo desejo um pelo outro” e assim eu o beijei, o beijo mas gostoso da minha vida, um beijo que eu podia sentir amor e desejo ao mesmo tempo nunca havia sentindo aquilo, podia ouvir as batidas de seu coração em mim, aquilo estava ficando mas intenso fui descendo beijando seu pescoço Bill fechava os seus olhos voltei para aquele lábios tão saborosos que gritavam pelos meus, seu piercing da língua fazia nosso beijo ficar mas gostoso, seus piercings nos lábios inferiores faziam barulhos ao encostar no meu, uma sensação mágica que eu nunca havia sentindo quando me deparei estava por cima de Bill que me abraça com força. Levantei-me indo em direção as escadas ele sentou-se no sofá e ficou me olhando, meu corpo já estava suado e eu ainda estava sem camisa olhei-me pra ele e perguntei “Você não vem?” com o sorriso mas perfeito do mundo ele veio em minha direção ao chegar na porta do meu quarto eu o agarrei ali mesmo o beijando inteiro já fiz o favor de tirar a camisa preta que ele vestia naquele dia encostei-lo na parede e beijei aquela barriga definida dele aquele piercing no mamilo combinava perfeitamente com ele, Bill me olhava com desejo eu não queria desperdiçar aquele momento fechei minha porta, minha mãe iria fazer turno a noite no hospital então não tinha nem perigo, meus pai são separados então meu pai não mora conosco mas só pra prevenir é bom passar a chave!
Joguei Bill na cama e cai por cima de seu corpo beijando seus lábios quentes minha mão percorria por aquele corpo que eu tanto desejava, aquele perfume que ele usava perdi as contas de quantas vezes queria ter em mim, suas pernas se enroscavam nas minhas, seu hálito era quente, sua respiração me deixava completamente louco, aquela voz chamando meu nome fazia aquela situação ficar mas que perfeita. Seu membro não só o dele saltava fora de nossas calças que pediam ajuda, fui descendo devagar não queria que fosse rápido demais eu aproveitei aquele corpo como ninguém, foi quando eu cheguei na parte melhor de seu corpo desci sua calça devagar provocando arrepios soltei um sorrisinho malicioso Bill me olhava com desejo eu via em seus olhos ele me retribuiu o sorriso, sua cueca preta box combinava com o seu tom de pele que era a mesma da minha fui passando minha mão devagar fazendo Bill soltar um lege gemido aquilo suou como música para os meus ouvidos, então continuei descendo sua cueca devagar fazendo seu membro enorme saltar  não perdi tempo e abocanhei aquele membro que parecia chamar meu nome Bill soltava gemidos cada vez mas forte se retorcia de tesão apertava os lençóis, eu tentava fazer o melhor de mim me achava que não faria certo afinal fiquei com garotos mas nunca os levei pra cama Bill era o primeiro. Bill estava chegando no êxtase  eu podia sentir então fui subindo devagar beijando seu corpo que estava quente Bill olhava pra mim e sorria ele fungou em meu pescoço e me virou com tudo ficando em cima de mim dizendo “Agora é minha vez de brincar com você Tommy” Bill beijou meus lábios um beijo longo ele passava sua mão por cima do meu membro que ainda estava coberto pela calça e a cueca e delicadamente ele foi descendo beijando meu pescoço seu piercing da língua era gelado, provocava cala frios na minha pele que se arrepiava imediatamente, Bill sabia o que estava fazendo, seu corpo parecia dar choque quando encostava no meu nossas peles se arrepiavam ninguém conseguia explicar aquilo. Bill descia pelo meu tórax e descia cada vez mas e mas, me deixando cada vez mas louco em fim ele chegou no meu ponto fraco no Tommy Jr. Com pressa ele arrancou minha calça deixando apenas minha cueca box branca que o deixou louco, Bill passava sua mão tatuada sobre meu membro que saltava dali ele puxou o que o empatava e abocanhou meu membro me fazendo gemer cada vez mas alto, Bill me chupava com desejo meus olhos reviravam-se, nenhuma garota havia me chupado daquela forma ele me chupava de todas as formas, eu estava sentindo que ia, ai... gozar Bill nem se importou mesmo assim continuou me chupando ele foi subindo com sua boca toda lambuzada me beijando aquilo era tão bom, mas só era bom com ele que me fazia ter total confiança nele. Bill ficou por cima de mim novamente fazendo nossos membros encostarem um no outro gemíamos juntos de tanto prazer mais só restava á dúvida quem iria dar pra quem! Bill olhou pra mim com o sorriso angelical dele e disse “Vai Tommy eu sou seu, abusa de mim, faça o que quiser, mas eu quero ser seu!” eu continuei o beijando virei ele e fiquei por cima daquele corpo que tanto me chamava Bill gemia em meu ouvido que me fazia ficar mais excitado ainda Bill me dizia “Vai Tommy eu confio em você, me faça ser só seu” não queria o machucar então fui até meu guarda-roupa pegar lubrificante eu sabia que tinha só não sabia a onde não demorou pra achar, Bill estava se masturbando aquela cena era perfeita. Cheguei na cama Bill ficou na melhor posição de quatro, como ele era perfeito sua pele era macia como a de um bebê tive o maior cuidado possível eu não queria o machucar então ouvi seu primeiro gemido então logo parei quando ouvi Bill falar “Continua Tommy, vai!” então continuei ainda com medo de o machucar Bill que gemia com a mão em seu membro, quando percebi meu membro já estava todinho dentro dele então comecei vagarosamente movimentos de vai e vem nossos gemidos se misturavam naquele calor, nossos nomes eram as únicas palavras dentro daquele quarto, minutos de puro prazer o barulho que nossos corpos faziam ao se encostarem era perfeito, eu não ia aguentar estava chegando no meu estase Bill já havia gozado e eu aaaaaai que delicia.
Bill deitou-se e eu cai por cima dele, aquela foi a sensação mas incrível que eu já senti Bill me beijou de novo podia sentir as batidas do seu coração em mim eu não sabia como mas eu amava aquele garoto e foi isso que eu disse “Bill eu te amo” e ele me retribuiu com outro beijo longo e gostoso, quando me dei conta Bill havia adormecido em meus braços como era sexta-feira não teríamos aula nem me preocupei acabei dormindo ao lado do meu amado. Na manhã seguinte quando acordei avistei Bill olhando para mim com o sorriso mais perfeito do mundo. Como é bom acordar ao lado de quem amamos não é mesmo?
Tomamos um bom banho quente onde rolou alguns beijinhos, umas chupadinhas de lá outras pra cá e aquele foi o melhor banho de toda a minha vida quer dizer aquela noite foi a melhor da minha vida e assim continuaria sendo o resto da minha vida se eu tivesse Bill ao meu lado para me fazer feliz. E assim descemos e fomos tomar café juntos minha mãe ainda não havia chegado era muito cedo, eu não queria que aquilo passasse mais que uma noite eu queria ele pra sempre e foi isso que fiz pedi Bill em namoro, no começo foi difícil ele mesmo tinha receio de aceitar a namorar outro cara mas depois ele aceitou, depois contamos para nossa família que nos apoiou, na escola que foi mas um pouco difícil os dois garotos mas bonitos da escola (sem querer me gabar haha) namorando, Gustav e Georg aceitaram numa boa afinal eles sabiam da minha bissexualidade. E assim continuamos tendo uma vida a dois, um só coração. Bill e eu já terminamos os estudos eu faço faculdade de direito e ele faz faculdade de medicina e já até alugamos um apartamento aqui em Los Angeles, todos os fins de semana minha mãe com os pais dele vem nos visitar é muito bom saber que temos uma família que nos apoia e o mais importante é que nos amamos e eu não trocaria o amor de Bill por nada desse mundo.
“Se você ama alguém de verdade não tenha medo de assumir, somos todos iguais. Por que o que importa mesmo é o amor e se ele for verdadeiro nada nem ninguém pode destruí-lo”. Essa foi a minha história de como começou meu amor por Bill Kaulitz o cara que mudou a minha vida, o cara que me fez enxergar o que é o amor, o cara que me fez ver que o amor é tudo que temos.
Assinado : Tom Kaulitz

- Fim, espero que vocês tenham gostado espero comentários <3


Última edição por bitchesinmylife em Qui Jul 18, 2013 7:45 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://remembranceoffebruary.tumblr.com/
Ana Carolina Telles
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 975
Idade : 20
Localização : Humanoid City
Data de inscrição : 20/09/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Outro

MensagemAssunto: Re: [Kaulitzcest] O Doce Desejo (+18)   Dom Jul 07, 2013 11:47 am

Eu gostei, fazia tempo que não lia um K-cest, ficou bom mesmo, parabéns.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Cami
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 535
Localização : RS
Data de inscrição : 12/10/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Outro

MensagemAssunto: Re: [Kaulitzcest] O Doce Desejo (+18)   Dom Jul 07, 2013 1:53 pm

Ana Carolina Telles escreveu:
Eu gostei, fazia tempo que não lia um K-cest, ficou bom mesmo, parabéns.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Steph MADA
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 758
Idade : 17
Localização : Lins.SP
Data de inscrição : 19/12/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Buscador

MensagemAssunto: Re: [Kaulitzcest] O Doce Desejo (+18)   Seg Jul 08, 2013 1:54 am

Gostei. Eu gosto de Kaulitzcest, me julguem!
Adorei!
Voltar ao Topo Ir em baixo
bitchesinmylife

Fã


Número de Mensagens : 83
Idade : 20
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 10/01/2013

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [Kaulitzcest] O Doce Desejo (+18)   Seg Jul 08, 2013 1:36 pm

Danke liebes , fico feliz por vocês terem gostado !
- ENTÃO EM BREVE EU FAREI MAS KAULITZCEST -
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://remembranceoffebruary.tumblr.com/
D'Julia kaulitz
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1573
Idade : 20
Localização : Curitiba
Data de inscrição : 13/08/2011

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [Kaulitzcest] O Doce Desejo (+18)   Seg Jul 08, 2013 11:28 pm

AMEIIIIIIIIIIIIIIIIIII *-* pode escrever mais, adoro kaulitzcest haha sério muito lindo o final Very Happy

posso copiar uma frase dessa fic e por no meu face?? dizendo que é de sua autoria claro Smile)
Voltar ao Topo Ir em baixo
bitchesinmylife

Fã


Número de Mensagens : 83
Idade : 20
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 10/01/2013

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [Kaulitzcest] O Doce Desejo (+18)   Ter Jul 09, 2013 10:58 am

Pode ter certeza até o final dessa semana vou escrever outra Kaulitzcest *-*
Claro que pode , fique a vontade ><
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://remembranceoffebruary.tumblr.com/
Ana Carolina Telles
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 975
Idade : 20
Localização : Humanoid City
Data de inscrição : 20/09/2012

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Outro

MensagemAssunto: Re: [Kaulitzcest] O Doce Desejo (+18)   Ter Jul 09, 2013 11:35 am

Eu gostei muito da imagem, foi voce quem fez? Pode passar para mim po PM sem as palavras?
Voltar ao Topo Ir em baixo
bitchesinmylife

Fã


Número de Mensagens : 83
Idade : 20
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 10/01/2013

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [Kaulitzcest] O Doce Desejo (+18)   Ter Jul 09, 2013 5:14 pm

Não fui eu quem fiz , só apenas coloquei o nome (: Passo sim
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://remembranceoffebruary.tumblr.com/
Vicky.

Fã


Número de Mensagens : 66
Idade : 19
Localização : Humanoid City
Data de inscrição : 04/03/2013

MensagemAssunto: Re: [Kaulitzcest] O Doce Desejo (+18)   Ter Jul 16, 2013 1:56 pm

Adorei sua fic, escreve mais vezes, e me avisa please, adorei o final, gosto muito de kaulitzcest.
Voltar ao Topo Ir em baixo
bitchesinmylife

Fã


Número de Mensagens : 83
Idade : 20
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 10/01/2013

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [Kaulitzcest] O Doce Desejo (+18)   Qua Jul 17, 2013 12:18 am

Anw sério que você gostou Vicky ? Pode deixar que quando eu escrever mais Kaulitzcest eu te aviso <3
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://remembranceoffebruary.tumblr.com/
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: [Kaulitzcest] O Doce Desejo (+18)   Hoje à(s) 2:22 pm

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
[Kaulitzcest] O Doce Desejo (+18)
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» [Kaulitzcest] O Doce Desejo (+18)
» D.O.M. - Pingo Doce (video)
» [Kaulitzcest] A viúva e o mordomo!
» Doce de Sal
» [Kaulitzcest] Tarde de estudos

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
TH BRASIL OFICIAL - Fórum :: Fan Stuff :: FanFics :: One Shots-
Ir para: