Fórum Oficial do Tokio Hotel no Brasil - TH BRASIL OFICIAL FÓRUM
 
InícioPortalRegistrar-seLoginIr para o site@THBRASILOFICIALFacebook

Compartilhe | 
 

 Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
Mari.
Ao extremo
Ao extremo


Número de Mensagens : 4948
Idade : 23
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 29/11/2009

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Amigos

MensagemAssunto: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Qua Jul 07, 2010 2:13 pm


Nome: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas
Autor: BillaBizarre
Classificação: PG+16
Gênero: Drama
Beta-Reader: -
Nº de capítulos: 1
Terminada ou não: Sim

SINOPSE
Eu não iria mudar para satisfazer a vontade do meu irmão, porém, admito: eu tinha medo de perder sua confiança.
Bill era o único que me entendia, que me aconselhava, que me animava, que me apoiava. E eu não deixaria tudo ir por água abaixo [...]

-----

Posto? .-.


Última edição por BillaBizarre em Qui Jul 15, 2010 11:00 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Qua Jul 07, 2010 2:15 pm

Posta sim Very Happy
Voltar ao Topo Ir em baixo
Lucy
Ao extremo
Ao extremo


Número de Mensagens : 2263
Data de inscrição : 05/12/2009

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Qua Jul 07, 2010 2:22 pm

EU JÁ TINHA VISTO A CAPA ANTES DE TODOS LALALALA' -QQQQQ.

CLARO QUE POSTA OU MORRE Very Happy'
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://tokiohoteldreamfans.forumeiros.com
Daiane Taís Kaulitz
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1321
Idade : 21
Localização : Concórdia/SC
Data de inscrição : 09/08/2009

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Outro

MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Qua Jul 07, 2010 10:10 pm

Lucy escreveu:
EU JÁ TINHA VISTO A CAPA ANTES DE TODOS LALALALA' -QQQQQ.
Todo mundo nãããão, eu também já tinha visto! OAIUEOIOIAUOEIUUAOEI
Pooosta, você está me seduzindo à tempos com essa songfic *-*
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.twitter.com/IchBinTraeumer
Ka
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1352
Idade : 22
Localização : Curitiba
Data de inscrição : 16/12/2009

MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Qua Jul 07, 2010 10:49 pm

Daiane Taís Kaulitz escreveu:
Lucy escreveu:
EU JÁ TINHA VISTO A CAPA ANTES DE TODOS LALALALA' -QQQQQ.
Todo mundo nãããão, eu também já tinha visto! OAIUEOIOIAUOEIUUAOEI
Eu tambééém já tinha visto! HUASHASUAHSUH
Não, Billa, não posta porque eu não to doida pra ler... HASUAHSUAHSUAHS Brincadeira, claro que posta! *-*
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://twitter.com/InYourCage
lê_kaulitz
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 968
Idade : 23
Localização : Piracicaba/SP
Data de inscrição : 29/12/2008

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Amigos

MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Qui Jul 08, 2010 10:40 am

POSTA!
Curiosa aqui '-'
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://theunsaidtruths.tumblr.com/
Biaah *
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 991
Idade : 20
Localização : Sampaa
Data de inscrição : 25/03/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Sex Jul 09, 2010 1:04 am

Postaa!
Voltar ao Topo Ir em baixo
humanoiid
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1732
Idade : 19
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 26/04/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Sex Jul 09, 2010 1:45 am

Posta sim *-*
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://flavors.me/cerberus
jessymyk
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1467
Idade : 25
Data de inscrição : 25/05/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Sex Jul 09, 2010 2:08 am

POSTA SIM CLARO Very Happy
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://twitter.com/WithMyEyesShut
Linne Kaulitz
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 1085
Data de inscrição : 18/10/2009

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Buscador

MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Sex Jul 09, 2010 5:20 pm

Claro que posta Billa
Super curiosa *--*
Voltar ao Topo Ir em baixo
Janaína C.
Ao extremo
Ao extremo


Número de Mensagens : 4297
Idade : 22
Data de inscrição : 26/11/2008

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Sab Jul 10, 2010 11:44 pm

posta *u*
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.twitter.com/hysteriaofradio
beccakaulitz
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1565
Localização : RJ
Data de inscrição : 04/09/2009

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Dom Jul 11, 2010 11:38 am

Claro que posta né Billa. xD
Voltar ao Topo Ir em baixo
Lucy
Ao extremo
Ao extremo


Número de Mensagens : 2263
Data de inscrição : 05/12/2009

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Dom Jul 11, 2010 11:49 am

KáhKaulitz escreveu:
Daiane Taís Kaulitz escreveu:
Lucy escreveu:
EU JÁ TINHA VISTO A CAPA ANTES DE TODOS LALALALA' -QQQQQ.
Todo mundo nãããão, eu também já tinha visto! OAIUEOIOIAUOEIUUAOEI
Eu tambééém já tinha visto! HUASHASUAHSUH
Não, Billa, não posta porque eu não to doida pra ler... HASUAHSUAHSUAHS Brincadeira, claro que posta! *-*

SOMOS DA AREA VIP GIRLS Cool -QQQQQ.

POSTA LOGO BILLA !
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://tokiohoteldreamfans.forumeiros.com
Mari.
Ao extremo
Ao extremo


Número de Mensagens : 4948
Idade : 23
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 29/11/2009

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Amigos

MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Seg Jul 12, 2010 8:44 pm

Aeae gente Very Happy
Então, essa One é MUITO triste - tanto que eu quase não consigo digitar inteira.
Esse nome é por causa da música, quem quiser ouví-la, aqui está.

Ela é MUITO grande (me empolguei escrevendo, rs), por isso vou dividí-la em duas partes.
Portanto, aí está a primeira.
__________________________________________________

Pt. I

Sentia os olhos de Bill sobre mim, enquanto caminhava pelo quarto de um lado para o outro. Eu gostava quando Bill me observava, sabia que ele estava me admirando. Porém, eu não gostava muito deste olhar. Ao invés do olhar de admiração, este era um olhar de reprovação; Frio, seco, sem emoção.

Sentei-me na cadeira que estava do outro lado do quarto, ascendi um cigarro e o traguei, fitando Bill.

- Você não é o mesmo, Tom. – ele sussurrou, em um tom que me permitia ouvir.

- De novo esse assunto, Bill? – retruquei. – Já disse, não há nada de diferente comigo.

- Você sabe que tem, e sabe muito bem o que é.

Eu sabia disso, mas não iria ceder tão rápido. Não iria entregar que eu sabia que estava agindo errado; E o meu orgulho, onde fica?

Fiz uma cara de dúvida e arrisquei, mesmo sabendo qual seria sua resposta.

- Hm... As garotas que eu trouxe aquele dia?

- Não se faça de desentendido.

- Se não é isso, não sei do que se trata. – afundei o que restou do cigarro no cinzeiro e entrelacei os dedos sobre minha barriga.

- Estou farto de você, Tom.

Olhei para Bill um tanto surpreso. Suas palavras foram como um soco em meu estômago. Nunca esperei ouvir aquelas palavras saindo da boca dele; Qualquer um diria aquilo para mim, menos ele. Observei-o perplexo enquanto ele deixava o quarto, fechando a porta com um baque surdo.


“You may tire of me as our December Sun is setting
‘Cuz I’m not Who I used to be”

(Você pode se cansar de mim enquanto nosso sol de Dezembro está se ponto
Porque não sou mais quem eu costumava ser)


Mais um show. O cansaço nos tomava conta, porém estávamos felizes – ou fingíamos estar. Bill não tinha mais a mesma felicidade de antes. Seu sorriso estava apagado, não tinha mais a mesma vida; Seus olhos não brilhavam como de costume, como se uma nuvem negra tivesse se apoderado dos mesmos.

Na volta ao hotel, nos reunimos em uma salinha, e tinha certeza de que Georg e Gustav perceberam a atmosfera pesada que ali estava. Ficamos calados por tediosos minutos, até Georg pronunciar-se.

- Algum problema?

- Nenhum. – respondi. – Só acho que o Bill ainda não tem o que dizer.

Ele fitou-me, encontrando meu olhar sobre ele, e senti a fúria em seu olhar. Ignorei-o e, automaticamente, levei a mão ao bolso de minha calça; Tentei resistir ao máximo, mas não consegui. Levantei-me sem dizer nada, e quando levei a mão à maçaneta da porta, a voz de Bill fez-me parar.

- Já vai, Tom?

- Vou onde? – retruquei, irritado.

- Você sabe muito bem onde. Quem sabe se encontrar com duas ou três garotas ou, até mesmo, fazer outra coisa.

- Sinto muito se você não tem vida, maninho.

- Eu tenho vida, mas não optei pela mesma que você.

- Não me intrometo na sua, então é melhor você ficar calado.

- Senão você faz o que? – perguntou Bill, levantando-se da poltrona que estava e dirigindo-se até mim, encarando-me nos olhos. – Vai me bater? Ou vai pedir que alguém faça isso por você?

Minha mão fechou-se em punhos, e fiz o máximo de força para que ela não fosse parar na cara de Bill. Para evitar que isso acontecesse, virei-me, abri a porta e saí em disparada, sem olhar pra trás.


“No longer easy on the eyes but these wrinkles masterfully disguise
The youthful boy bellow who turned away and saw
Something He has not looking for a both beginning and an end”


(Não é mais fácil aos olhos, mas essas rugas dominadoramente disfarçam
O menino jovem por trás de quem se virou e viu
Algo que ele não estava procurando, tanto um começo quanto um fim)


[BILL]

Entrei no quarto que seria meu por mais aquela noite, e bati a porta. Sentei-me na cama e olhei pela janela, observando as nuvens carregadas que nos cobriam aquela noite.

Tom havia sido muito fraco; Fazia dois meses que eu o havia flagrado fazendo algo que jamais pensei que faria.

- Tom, o que é isso? – perguntei, deparando-me com um suspeito pó branco sobre a cômoda.

- Não é nada, Bill. – respondeu ele, um tanto assustado e sem saber direito o que fazer. – Saia daqui.

- Você está se drogando? – fui direto ao ponto, fazendo-o olhar para os lados, deixando-me sem resposta.

- Não importa. – ele respondeu, num tom mais baixo. – Agora saia daqui.


Tom estava usando drogas. Não me disse detalhes, mas por seu comportamento, já devia estar usando há um bom tempo. Além disso, aparecia com várias e diferentes garotas no quarto; Não que isso fosse anormal vindo dele, porém isso estava ocorrendo freqüentemente. Um dia, o pegara com três na mesma noite, o que me obrigara dormir no quarto de Georg e Gustav.

Eu sabia, Tom também não queria mais isso, porém o vício estava dominando-o, e ele rendendo-se ao mesmo cada vez mais. Isso me deixava preocupado, não queria perder meu irmão para uma coisa tão inútil. Eu o amava mais que minha própria vida, e sabia que não iria agüentar se isso acontecesse. Sentia que ele precisava de ajuda, e eu queria ajudá-lo, mas ele não me permitia.

Imerso em pensamentos, não percebi o tempo passar, e então a porta se abriu, entrando por ela Tom. Seus olhos estavam avermelhados e a expressão um tanto avoada.

- Já se satisfez?

- Por favor, Bill, não começa.

- Não vou começar, eu já terminei. – disse, levantando-me.

Trombei meu ombro no dele e deixei-o sozinho no quarto, batendo a porta atrás dele.


“But now he lives inside someone he does not recognize
When he catches his reflection on accident”


(Mas agora ele vive dentro de alguém que ele não reconhece
Quando por acidente vê seu próprio reflexo)


[TOM]

Eu não iria mudar para satisfazer a vontade do meu irmão, porém admito, tinha medo de perder sua confiança. No início desta fase interminável, Bill tentara me ajudar como ninguém faria por mim, mas eu não lhe dava ouvidos.

Caminhei até a janela e observei os primeiros pingos de chuva caírem, enquanto Bill montava na moto que havia lhe dado no último Natal; Era o que ele mais queria, e quase não acreditou. Agora, ele sempre a trazia nas turnês, para dar uma volta nas horas vagas. Ele não vivia mais sem ela.

Ouvi o ronco do motor da mesma e, momentos após, Bill deu partida na moto, correndo pela rua escura sob a chuva que aumentava a cada minuto.


“On the back of a motor bike
With your arms outstretched trying to take flight
Leavin everything behind”

(Na garupa de uma moto
Com seus braços estendidos tentando alçar vôo
Deixando tudo para trás)


------------------------------

Continuo?


Última edição por BillaBizarre em Ter Jul 13, 2010 3:00 pm, editado 3 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ka
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1352
Idade : 22
Localização : Curitiba
Data de inscrição : 16/12/2009

MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Seg Jul 12, 2010 8:50 pm

Você ainda pergunta?
Lógico que continua!
Tá perfeita!
Amei *-*
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://twitter.com/InYourCage
Lucy
Ao extremo
Ao extremo


Número de Mensagens : 2263
Data de inscrição : 05/12/2009

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Seg Jul 12, 2010 8:52 pm

OMG OMG !
Tom está se drogando, sa senhora.
jánãobastaacaradedorgas

POSTA MAAAAAIS POSTA PELAMOR.

Será que o Bill vai conseguir fazer ele parar com o vicio ? CÉUS O-O. POOOOOOOOSTA!
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://tokiohoteldreamfans.forumeiros.com
Daiane Taís Kaulitz
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1321
Idade : 21
Localização : Concórdia/SC
Data de inscrição : 09/08/2009

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Outro

MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Seg Jul 12, 2010 10:01 pm

Noossa, "um soco no estômago" é bem o que eu senti
A letra e a fic se encaixam perfeitamente, nossa '-'
Imaginava uma história completamente diferente, e novamente ela me surpreende!
Aaah' Agora não teve jeito, chorei!
Maaano, o Tom se drogando? o.O
Consegui sentir a dor do Bill
Não estou fazendo média, mas você é profissional demaais, amiga!
Posta, quero chorar de novo \õ/
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.twitter.com/IchBinTraeumer
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Seg Jul 12, 2010 10:30 pm

OMG não esperava por essa Tom >_<
O que será que o Bill vai fazer ??
QUERO MAIS *_*
Voltar ao Topo Ir em baixo
lê_kaulitz
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 968
Idade : 23
Localização : Piracicaba/SP
Data de inscrição : 29/12/2008

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Amigos

MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Seg Jul 12, 2010 10:50 pm

Daiane Taís Kaulitz escreveu:
Noossa, "um soco no estômago" é bem o que eu senti
A letra e a fic se encaixam perfeitamente, nossa '-'
Imaginava uma história completamente diferente, e novamente ela me surpreende!
Aaah' Agora não teve jeito, chorei!
Maaano, o Tom se drogando? o.O
Consegui sentir a dor do Bill
Não estou fazendo média, mas você é profissional demaais, amiga!
Posta, quero chorar de novo \õ/

Pois é!
ATÉ eu pensei que seria algo diferente, e de repente me aparece um Tom se drogando?
O.O
estou CURIOSA demais para a outra parte, quero MESMO saber onde isso tudo vai dar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://theunsaidtruths.tumblr.com/
Linne Kaulitz
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 1085
Data de inscrição : 18/10/2009

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Buscador

MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Seg Jul 12, 2010 11:44 pm

Cara...não acredito que o Tom ta se drogando .-.
Que pergunta né Billa
Claro que continuaaa :*
Voltar ao Topo Ir em baixo
Janaína C.
Ao extremo
Ao extremo


Número de Mensagens : 4297
Idade : 22
Data de inscrição : 26/11/2008

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Ter Jul 13, 2010 3:57 pm

tá, a teaser me fez pensar em algo que não tem nada a ver com a one, ótimo.
KCT, POR QUE A PERGUNTA BILLA?! Claro que continua, manolo, que fic tensa,
quero saber o final disso, o que vai acontecer D:
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.twitter.com/hysteriaofradio
amy k. tokio hotel
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1569
Localização : ZL de SP, próximo ao fim do mundo.
Data de inscrição : 06/01/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Ter Jul 13, 2010 4:16 pm

ahhhhhhhh pelo amor de Deus,POSTA MAIS yaya
to muito anciosa cara,pra saber o que vai acontecer com o Tom e suas dorgas XP
continuaaaaaaaa yaya yaya
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://twitter.com/483darksideofme
Liih Kaulitz
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1438
Idade : 24
Localização : SP
Data de inscrição : 18/01/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Ter Jul 13, 2010 5:53 pm

Claro que posta mais né Billa! ;D

Quero saber logo o que vai acontecer. Tenso por enquanto .-.
Nem imaginava que aconteceria isso na fic!
Voltar ao Topo Ir em baixo
kiinha kaulitz
Ao extremo
Ao extremo


Número de Mensagens : 2401
Idade : 22
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 30/05/2009

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Amigos

MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Qua Jul 14, 2010 5:14 pm

Citação :
Daiane Taís Kaulitz escreveu:
Noossa, "um soco no estômago" é bem o que eu senti
A letra e a fic se encaixam perfeitamente, nossa '-'
Imaginava uma história completamente diferente, e novamente ela me surpreende!
Aaah' Agora não teve jeito, chorei!
Maaano, o Tom se drogando? o.O
Consegui sentir a dor do Bill
Não estou fazendo média, mas você é profissional demaais, amiga!
Posta, quero chorar de novo \õ/

+2
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mari.
Ao extremo
Ao extremo


Número de Mensagens : 4948
Idade : 23
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 29/11/2009

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Amigos

MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Qui Jul 15, 2010 10:16 pm

Aeae gente Very Happy
Obrigada pelos comentários, achei que ninguém fosse ler *-*
Bom, agora vai a segunda e última parte da One.
Se não quiserem chorar... Não ouçam a música junto.
__________________________________________________

Pt. II

Deitei-me na cama, olhando para o nada, e comecei a recordar meu passado com Bill. Desde pequenos, éramos muito iguais, mas ao mesmo tempo muito diferentes; Brigávamos por coisas tão fúteis que ouvi meu próprio riso ao lembrar.

Mesmo com essas brigas, sempre fomos unidos, e nunca deixamos o outro na mão. Não precisávamos de palavras para nos comunicar, bastava um olhar para saber o que o outro estava sentindo, e era exatamente por isso que eu sabia que Bill estava triste nos últimos dias; E também sabia que o único culpado por ele estar assim era eu.

Bill era o único que me entendia, que me aconselhava, que me animava, que me apoiava. E eu não deixaria tudo ir por água abaixo por causa de uma coisa que, além de prazer, só me trazia mal. Eu iria ser forte e vencer esse vício; Iria pedir perdão para Bill assim que ele chegasse, reconhecer o quão grosso e idiota eu fora, e então tudo voltaria ao normal.

Porém, um estrondoso e repentino trovão me tirara de meus pensamentos.


“But even a tour swiftest speed we couldn’t break from the concrete
In the city where we still reside”


(Mas mesmo na nossa velocidade mais rápida, não poderíamos nos livrar do concreto
Na cidade onde ainda nos resignamos)

Uma forte angústia apoderou-se de meu peito, chegando até tirar meu fôlego; Um sentimento ruim, um sentimento de perda, e a única coisa que me viera a cabeça era alguém que eu mais amava na vida: Bill.

De um pulo, levantei-me da cama e saí do quarto. Segui até o estacionamento do hotel, esquecendo-me que não acharia meu carro lá. Procurei nosso motorista e pedi a chave da van da banda. Ele deve ter percebido o desespero em meu rosto, pois me entregou a mesma sem fazer rodeios. Corri até a van, botei a chave na ignição e dei partida, acelerando o mais rápido possível.

A chuva estava inacreditavelmente forte, fazendo-me derrapar a cada curva que fazia. Eu não tinha rumo, mas algo me guiava. Os grossos pingos de chuva batiam furiosamente contra meu pára-brisa, dificultando-me a visão. Apertava meus olhos para poder enxergar a estrada e, logo, algo me chamara atenção: uma fraca luz, que ficava mais forte conforme me aproximava. Forcei meus olhos, tentando identificar o que era, e logo descobri, sem fazer esforço.

Bill estava logo à minha frente; Seus cabelos molhados esvoaçavam atrás dele, não me deixando dúvidas. Não fazia idéia de como o alcançara, só sabia que iria impedi-lo de continuar.

Buzinei uma vez, mas Bill acelerou em sua moto. Buzinei novamente, mas de nada adiantou. Bill não sabia que era eu, mas mesmo se soubesse não pararia, imaginei.

- Bill, por favor, pára... – sussurrei a mim mesmo.

Como se ele pudesse me ouvir, Bill virou a cabeça para trás, olhando diretamente em meus olhos; Seu rosto estava pálido, vários respingos de chuva sobre o mesmo, e tive a impressão de que estava chorando. Antes que eu pudesse dizer algo, uma forte luz cegou-me, e um insuportável barulho encheu meus ouvidos. Automaticamente, minhas mãos viraram o volante, fazendo a van atravessar a rodovia e parar na barra de segurança.

Os barulhos seguintes repercutiram como uma tortura em meu corpo: a freada, a batida, o baque surdo de algo se encontrando com o chão.

Por um momento, perdi a coragem de olhar o que havia ocorrido; Virei lentamente a cabeça, e fiz o máximo esforço para reprimir o grito que se formara em minha garganta.

Saí em disparada do carro enquanto a chuva camuflava minhas lágrimas, indo de encontro ao frágil corpo que se encontrava estirado no chão, há uns cinco metros de distância de onde a moto estava caída. Aquilo não podia estar acontecendo, só podia ser um pesadelo que eu queria acordar. Porém, comprovei que tudo era realidade quando tomei o corpo frio e pálido de Bill em meus braços.

Minhas lágrimas eram incontroláveis, enquanto me perguntava por que ele havia feito aquilo. Tentava reanimá-lo de qualquer forma, mas todas minhas tentativas eram inúteis.

- Não me deixa, Bill. Por favor, não faz isso comigo.

Alisei seu rosto e encostei minha bochecha em sua testa. Como em um filme, imagens de Bill passavam por minha mente, desde quando éramos crianças até os dias atuais; Os sorrisos, as lágrimas, as discussões. Imagens de uma época que não voltaria.

- Me perdoa, Bill. – solucei, minha voz saindo com dificuldade. – Eu não vou ser um desgosto pra você. Eu vou me livrar das drogas, por você. – beijei sua testa fria e molhada. – Eu te amo.

A chuva havia perdido a intensidade, mas continuava caindo, tocando levemente o asfalto, como se estivesse chorando comigo. Distante, ouvi a sirene das ambulâncias aproximando-se lentamente, não sabendo como haviam chegado até ali. Apertei o corpo de Bill ainda mais contra o meu, aproveitando os últimos minutos que teria ao seu lado.


“And I have learned that even landlocked lovers yearn from the sea, like a navy men
Cause now we say goodnight from our own separate sides
Like brothers on a hotel bed”


(E eu aprendi que mesmo os amantes presos à terra anseiam pelos marinheiros do mar iluminado
Pois agora dizemos boa noite para nossos próprios lados separados
Como irmãos em uma cama de hotel)

Seu rosto angelical e tranqüilo me aliviara. Significava, imaginei eu, que Bill havia me perdoado, onde quer que ele esteja. Durante todo seu velório, permaneci ao seu lado, segurando sua mão. A cada minuto, meu peito se apertava, sabendo que logo chegaria a hora da separação.

Tempo se passou; Dei um último beijo na testa de Bill, olhei pela última vez para seu rosto e o caixão foi fechado. Gördon, Georg e Gustav me acompanharam para carregar o mesmo e, logo, Bill foi sepultado. Nunca sentira tamanha tristeza em toda minha vida, e o céu cinza e carregado ajudava essa tristeza ser ainda maior. Podia ouvir os soluços baixos de nossos parentes e amigos mais próximos, e minha mãe precisou ser amparada por Gördon, enquanto Georg e Gustav tentavam inutilmente consolar-me.

Assim que a última coroa de flores fora colocada sobre seu jazigo, as pessoas ali presentes começaram a ir embora aos poucos. Quando me dei conta, estava sozinho, e era exatamente isso que eu estava esperando.

Ajoelhei-me ao lado de sua lápide, observando a pequena placa onde havia o nome e a foto de Bill, que era acompanhada de seu sorriso cativante.

- Eu sempre irei te amar, Bill. Você sempre irá viver no meu coração.

Beijei o botão de rosa vermelha que segurava em minhas mãos e coloquei sobre sua lápide, junto das tantas outras que estavam em volta. Momentos após, fui embora dali, deixando parte de mim para trás – a parte que me permitia viver.


“You may tire of me as our December Sun is setting
‘Cuz I’m not who I used to be”


(Você pode se cansar de mim enquanto nosso sol de Dezembro está se ponto
Porque não sou mais quem eu costumava ser)

------------------------------

De verdade, enrolei muito pra escrever esse fim Ç.Ç
Bom, espero que vocês tenham gostado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]   Hoje à(s) 8:53 pm

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Brothers On A Hotel Bed - Quando Uma Atitude Muda Vidas [Songfic]
» Próxima tour dos Tokio Hotel em 2013
» As Roupas de Apresentação do Tokio Hotel: O Que Acontece Quando Bill Kaulitz Tira Sua Jaqueta?
» Bill Kaulitz, do Tokio Hotel: novo álbum, modelo e ator
» Peçam Tokio Hotel para voltar no Brasil!!!

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
TH BRASIL OFICIAL - Fórum :: Fan Stuff :: FanFics :: One Shots-
Ir para: