Fórum Oficial do Tokio Hotel no Brasil - TH BRASIL OFICIAL FÓRUM
 
InícioPortalRegistrar-seLoginIr para o site@THBRASILOFICIALFacebook

Compartilhe | 
 

 [Kaulitzcest] Um Triste Adeus

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Racquel

Fã


Número de Mensagens : 141
Idade : 21
Localização : Curitiba
Data de inscrição : 10/01/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Outro

MensagemAssunto: [Kaulitzcest] Um Triste Adeus   Dom Ago 15, 2010 1:04 am

Death Fic/Tragédia/Drama/Romance

Vocês já sabem o jeito que eu escrevo, então leia quem gosta das minhas fics ou gosta do gênero =)

É pequena, mas eu espero que vocês gostem =)

Boa leitura!

000000000000000000000000000000000


Com um suspiro alto, demonstrando o quão cansado estava, jogou-se com força no sofá, espreguiçando-se enquanto soltava alguns gemidos de satisfação e conforto.



Ainda de olhos fechados, sorriu ao perceber o movimento ao seu lado, indicando que mais alguém havia sentado. E ele nem precisava abrir os olhos para saber quem era.



Bill inclinou-se para seu lado esquerdo, apoiando a cabeça no ombro de seu irmão mais velho, rindo um pouco pelas leves cócegas que as tranças negras faziam em seu pescoço. E em um simples gesto, seus dedos se tocaram, entrelaçando-os em seguida.



E mesmo que o silêncio gostoso que ambos haviam criado estivesse confortável, Tom quebrou-o.



- Cansado, Bill?- Perguntou, recebendo um sussurro afirmativo em resposta, também um pouco sonolento. Rindo um pouco, o de longas tranças negras fez com que se pequeno irmão deitasse no sofá, relaxando todos os músculos de seu corpo.



- Vem cá.- Bill murmurou, percebendo que o mais velho ainda continuava sentado, fitando-o. O moreno de dreads separou suas pernas, esperando Tom para se jogar entre elas. E assim foi feito. No momento em que sentiu o irmão em seus braços, Bill o prendeu para sim enlaçando sua cintura com as longas pernas.



Os dois soltavam leves risadas, enquanto trocavam toques carinhosos, o que mais gostavam acima de tudo.



- Você é lindo.- Tom sussurrou perto de seu ouvido, fazendo com que o outro tremesse brevemente. Não seria uma mentira dizer que Bill sempre ouvia tal elogio, mas é somente quando Tom solta essas palavras que ele se dá ao prazer de corar lindamente.



- Tomi...- Suspirou, sentindo uma mão acariciar seus cabelos, e a outra sua barriga, por debaixo da pequena camisa. Sem precisar perguntar ou dizer alguma coisa, seus lábios se aproximaram como se fossem imãs e se juntaram. Não era a primeira vez que isso acontecia.



Bill puxou mais forte Tom para si, fazendo com que os corpos se colassem, e o desejo de um beijo mais profundo possuíssem ambos os gêmeos.



Logo as línguas também se tocavam com luxúria, ora em uma dança carinhosa, ora em uma dança mais intensa e prazerosa.



- Eu te amo, Bill. Por favor, não se esqueça.- O mais velho disse, quebrando o beijo e finalizando com um simples selinho. Bill riu divertidamente pelo tom sério que o outro usava.



- Tomi...- Puxou algumas tranças, brincando com elas, enrolando-as em seus dedos.- Eu sei! Mas não fale tão sério.- Bill fez beicinho, dando um casto beijo no pescoço do irmão.- Até parece que vai me deixar.- Riu de si mesmo, sabendo que sua frase havia saído com total som de brincadeira.

Sua face apenas adquiriu um ar sério ao perceber algumas lágrimas que caíam dos olhos do outro e terminava em suas bochechas. Tocando o próprio rosto, no lado esquerdo, com as pontas dos dedos, sentiu a lágrima do irmão.



- Tom?- Perguntou assustado, segurando o rosto de Tom com ambas as mãos, fazendo-o olhar dentro dos seus olhos.



- Eu já deixei, Bill. Me desculpa.- E de repente, lágrimas de sangue deixavam os olhos do mais velho, caindo sem parar no peito do maior.



- Oh, meu Deus...Tomi, o quê...?- E em um segundo, a realidade bateu em sua porta, antes de ouvir um último “ Me perdoe “.



Seus olhos se abriram, piscando várias vezes por causa da claridade em excesso que o local possuía, chegando a machucar seus olhos.



- Ele acordou.- Podia ouvir uma enfermeira comentar com mais alguém.



- Meu bebê...- Percebeu ser a voz de sua mãe.



- Mamãe...- Murmurou, abrindo os olhos completamente.- Por que eu não consigo me mexer?- Sua voz soava desesperada, enquanto tentava se libertar da roupa que lhe prendia.- Mamãe, cadê o Tomi, mãe? O TOMI, MAMÃE? CADÊ? CADÊ O TOMI? E logo algumas enfermeiras entraram na sala, segurando-o fortemente, antes de aplicar uma injeção, ao qual o líquido possuía uma cor estranha.



Simone não conseguia mais chorar. As lágrimas pareciam ter desaparecido por completo. Chorou tudo o que havia para chorar no funeral de Tom, e no dia em que Bill fora colocado em uma camisa de força.



Ela jurava que tinha decorado as falas do seu filho mais novo, porque toda vez que ele acordava, era a mesma coisa, o mesmo desespero, as mesmas perguntas, as mesmas dores.



Com seus olhos inchados, como se não dormisse em muito tempo, viu seu filho fechar os olhos lentamente, indo para o mesmo sonho que tinha todas as noites.



A morte de um significava a morte de ambos. Isso era algo inevitável.







Ela saiu, ela voltou. Sempre no mesmo horário, sempre presenciando a mesma cena, como se fosse um cd riscado, um replay.



Não sabia o dia, ou quando isso realmente aconteceu, apenas havia recebido uma chamada avisando que Bill havia entrado em coma, de madrugada. E ela podia sentir como se as lágrimas estivessem voltando.



Abrindo a porta demoradamente, entrou no quarto, franzindo o nariz pelo cheiro forte de remédios e produtos. A enfermeira desejou-lhe um bom dia antes de sair, deixando-a sozinha.



- Meu bebê...- Murmurou as palavras que dizia todos os dias, como se ela tivesse medo de Bill esquecesse quem era.- Isso não é vida.- Ela sabia que assim que Bill soube da morte do irmão, ele também haviam partido, mesmo que seu corpo ainda se mexesse. Dando um longo suspiro, apertou um botão que ficava ao lado da cama do filho, sabendo que isso chamaria a enfermeira de volta.



- Sim?- Uma mulher vestida completamente de branco e com um caderno na mão, perguntou.



- Eu quero desligar os aparelhos.- Sussurrou, vendo o olhar assustado da outra mulher.



- Minha...Minha senhora...Tem certeza?- Chegou mais perto.- Seu filho...Mesmo que possa demorar, ele tem chances de acordar e...



- Eu quero desligar os aparelhos.- Disse em um tom mais alto, completamente certa do que falava. Sem mais demoras, a enfermeira foi buscar um médico.



Dando um último beijo na testa de seu filho, ela viu um homem também de branco entrar, trazendo alguns papéis consigo. Explicando toda a situação para Simone, ele suspirou ao ver que a senhora não mudaria de opinião. E, com as mãos tremendo, a mãe assinou todos.



Ela jurou que assim que ouviu o último beep da máquina que mantinha seu filho vivo, podia ver, minimamente, um pequeno sorriso se formar no cantinho dos lábios do moreno.



A morte de um filho era a morte dos dois.







E não seria ela que mudaria o destino, mesmo que quebrasse seu coração em mil pedaços.






Caindo no chão de joelhos, as lágrimas voltaram de forma avassaladora. Soluçando a praticamente cada lágrima que deixava seus olhos, sabia que tinha feito o certo, mesmo que doesse profundamente.



Pois ela sabia que aquele pequeno sorriso significava um simples e último Obrigado, mamãe, do seu pequeno bebê.



FIM

Voltar ao Topo Ir em baixo
hiza
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 652
Idade : 19
Localização : ...
Data de inscrição : 04/01/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [Kaulitzcest] Um Triste Adeus   Ter Ago 17, 2010 1:48 pm

bua Que triste! Não faz isso comigo!
Vo morrrer de tanto chorar!
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://...
Biaah *
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 991
Idade : 20
Localização : Sampaa
Data de inscrição : 25/03/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: [Kaulitzcest] Um Triste Adeus   Ter Ago 17, 2010 9:22 pm

hiza escreveu:
bua Que triste! Não faz isso comigo!
Vo morrer de tanto chorar!
+1
Muuuuito bom, adorei!
Voltar ao Topo Ir em baixo
kiinha kaulitz
Ao extremo
Ao extremo


Número de Mensagens : 2401
Idade : 22
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 30/05/2009

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Amigos

MensagemAssunto: Re: [Kaulitzcest] Um Triste Adeus   Qui Ago 19, 2010 4:05 pm

OMG OMG OMG OMG OMG OMG

isso foi... isso foi... EXTREMAMENTE PERFEITO.

menina, que One perfeita, eu AMEI.
nossa, estou sem palavras..
Chorando muito *seca lágrimas*
EU AMEI

parabéns aplausos
Voltar ao Topo Ir em baixo
nubia kaulitz
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 374
Idade : 20
Localização : mg lafa
Data de inscrição : 10/04/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Buscador

MensagemAssunto: Re: [Kaulitzcest] Um Triste Adeus   Sab Ago 21, 2010 11:52 pm

Você me fez chorar, tá?
e eu estava escutando no mesmo momento by our side(pra ajudar),mas parabens
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: [Kaulitzcest] Um Triste Adeus   Qui Set 02, 2010 11:53 pm

E eu ouvindo Snuff do Slip ;_;
Linda Racquel. Sem mais palavras.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Izy's Drek

Fã


Número de Mensagens : 297
Idade : 19
Data de inscrição : 22/01/2012

MensagemAssunto: Re: [Kaulitzcest] Um Triste Adeus   Dom Jun 03, 2012 6:43 pm

Sad bua bua1 ...................
Voltar ao Topo Ir em baixo
Streetwalker
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 543
Localização : Humanoid City
Data de inscrição : 03/05/2011

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Buscador

MensagemAssunto: Re: [Kaulitzcest] Um Triste Adeus   Qua Ago 01, 2012 3:49 am

Chesus...
bua
Lindo e doloroso Ç_Ç
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: [Kaulitzcest] Um Triste Adeus   Hoje à(s) 2:24 pm

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
[Kaulitzcest] Um Triste Adeus
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» [Kaulitzcest] A viúva e o mordomo!
» Noticia Triste
» [Kaulitzcest] Tarde de estudos
» One Plus One Equals Me And You (Kaulitzcest)
» Montagem: Kaulitzcest

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
TH BRASIL OFICIAL - Fórum :: Fan Stuff :: FanFics :: One Shots-
Ir para: