Fórum Oficial do Tokio Hotel no Brasil - TH BRASIL OFICIAL FÓRUM
 
InícioPortalRegistrar-seLoginIr para o site@THBRASILOFICIALFacebook

Compartilhe | 
 

 You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte
AutorMensagem
/anna.
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 322
Idade : 23
Localização : Rio Grande do Sul
Data de inscrição : 03/04/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Seg Jan 24, 2011 10:36 pm

Pâmela.O.d.S escreveu:
Bill estressadinho heim!
e Tom educado ^^ HUSUHSHUHUS inverteu tudo =p haha
continua que eu estou sentindo que o proximo cap vai ser booom !^^
ah fic está maravilhosa

é Smile
Bill precisa de um calmante.. ou de.. cof cof Twisted Evil
Tom educadinho? que milagre Very Happy
Bill e Tom namorados? EIUHEIAUHE ri alto aqui
quero mais fic yaya
Voltar ao Topo Ir em baixo
Cassi
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 320
Idade : 20
Localização : Rio Grande do Sul *-*
Data de inscrição : 15/10/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Amigos

MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Ter Jan 25, 2011 12:22 am

Leitora Nova *
Eu quero mais,
muito bom mesmo, você escreve muito bem garota !!


Continua por favor !!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Liih Kaulitz
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1438
Idade : 24
Localização : SP
Data de inscrição : 18/01/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Ter Jan 25, 2011 1:55 am

AAA Nicki! to amando *-*
O que aconteceu com o pai dela?
Gostei, Bill mal educado e Tom super docinho ;D -qq
Continua logo, liebe!
Voltar ao Topo Ir em baixo
bia.babi
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1235
Idade : 19
Localização : Santo André/SP
Data de inscrição : 20/06/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Ter Jan 25, 2011 9:38 am

Estou adorando
Continua Nicki please
Voltar ao Topo Ir em baixo
Júlia G.
Ao extremo
Ao extremo


Número de Mensagens : 2642
Idade : 20
Localização : Brasília
Data de inscrição : 27/08/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Ter Jan 25, 2011 9:53 am

Citação :
– E tu és quem? O namorado desse imbecil?



Ri demais DNSLKNDLKASNDKSA
O que será que aconteceu com os pais dela? scratch
Sim Nicki, continue loguinho que estou curiosa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Laura
Moderadores
Moderadores


Número de Mensagens : 3533
Idade : 22
Localização : RS
Data de inscrição : 17/12/2008

MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Ter Jan 25, 2011 3:26 pm

Leitora nova!
Bill mal educado e irritadinho, nossa, rs. E o Tom muito fofo *-*
Estou adorando a fic, por favor continue logo Very Happy

_______________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://flavors.me/meinewelt
Patty Back
Admin
Admin


Número de Mensagens : 4279
Idade : 22
Localização : Curitiba
Data de inscrição : 24/10/2008

Minha ficha
Como conheceu o fórum?:

MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Qua Jan 26, 2011 3:43 am

Bill e Tom invertendo os papéis... nossa adorei ;P

prossiga o mais breve possível.
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.flickr.com/photos/trishback
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Qui Jan 27, 2011 2:18 pm

Leitora nova!!!
Nicki, você escreve muito bem,
Amei todos os capítulos,
Estou curiosa para saber o que vai acontecer agora, e o que aconteceu com ela e os pais!
Continua logo, please...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Nicki.Luxious
Iniciante


Número de Mensagens : 43
Idade : 26
Localização : Portugal
Data de inscrição : 23/01/2011

Minha ficha
Como conheceu o fórum?:

MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Qui Jan 27, 2011 8:30 pm

AIIIIIIIIIIIIIII Fiquei mesmo Feliz com tantos comentários, não estava a espera +.+ OBRIGADO por dedicarem o vosso tempo a minha fic, isso significa imenso para mim, acreditem! Vosses não existem! LOVE YOU!!!

Bem, vamos ao próximo capítulo? ^^
Aqui vai Very Happy







Logo de manhã, ao sentir um raio de luz solar embater na sua face, Lux acordava correndo sempre até ao quarto dos Pais, acordando-os com o seu riso de criança. – Papá, Papá! Gritava feliz aos saltos na cama. – Hum? Já aqui? Disse David ainda zonzo do sono. – Temos de comprar cortinas mais resistentes para a nossa menina. Riu agarrando nela colocando-a no meio. – Acorda a Mamã, acorda-a Anjo, para mais logo irmos ao parque! Di-lo pegando na mão de Luz fazendo-a deslizar pelo corpo ainda jovem de Lea. – Mamã? Acorda! Sorriu com o seu sorriso ingénuo, acordando-a aos poucos. Era esta a forma que Luz encontrava para acordar os pais todos de manhã.
Gostava de se sentir o centro das atenções, de se sentir amada, aconchegada no meio dos Pais. Mas isto é tudo passado, tão passado quão o passeios que ela tanto amava com eles pelo Parque mais belo da cidade.



-Lux não corras tanto, ainda te magoas! Gritava Lea preocupada enquanto caminhava de mãos dados com o homem que tanto amava. – Deixa-a correr amor, ela ainda é tão ingénua. Sorria-lhe David enquanto a puxava para mais próximo dele, beijando-a com todo o carinho e amor que sentia por ela. – Também quero, também quero! Gritava Lux correndo até eles. – Também mereço miminho. Sorria enquanto esticava os seus pequenos e magrinhos braços para que alguém pegasse nela. – Será que a menina não dá descanso aos Papás? Sorriu David enquanto rodopiava com ela pelo ar, só mesmo para ouvir aqueles gritos estridentes vindos da sua pequenina.





Sonhos, sonhos como este mantém bem viva a memória dos Pais no que resta do coração partido de Lux. Era uma criança tão feliz com os Pais, tinha tudo, boa educação, amor, podia ser criança a vontade sem qualquer tipo de restrições. Passou o quinto aniversário na Disney Land em Paris com os amigos e familiares mais chegados, incluindo Tiffany e Pedro, os tios que mais tarde ficaram com a custódia da pequenita, os tais que só sabiam sorrir com uma nota de dinheiro a frente.



- Lux acorda amor, hoje ganhei-te. Sorriu-lhe Lea pegando na pequenita. Tinha passado meio ano desde o seu aniversário, e tinham planeado ir passar um fim-de-semana a uma praia, não muito conhecida, mas bastante bela e relaxante. – Mamã? Dizia a pequenita ainda corroída pelo sono. – Sim meu anjo, vamos a Praia? Sorriu, começando a despir lhe o pijama para lhe vestir um vestidinho mais fresquinho para a viagem. – Lea, estais prontas? Temos de ir. Ouviu-se David gritar pela casa. Ele era bastante perfeccionista e se algo não corre-se a sua maneira estava tudo estragado. – Já vamos amor, calma! Lea pegava na menina e sentava-a na cadeirinha. Lux nem dava conta, já tinha adormecido novamente.

Iniciavam a viagem logo após Lea se sentar finalmente no seu banco, e tudo decorria da forma mais normal, um pouco de trânsito de lês a lês, mas nada stressante. Lux dormia ainda, como se o andar do carro a embalasse, e talvez fora melhor assim. Algumas horas passaram, até que de repente só se ouviu um estalo forte e os pneus do carro a “gritarem” pela estrada embatendo pouco depois contra um camião que vinha em sentido contrário.
De todo o acidente Lux só se lembra de acordar de repente e ver tudo a fumegar, as sirenes a tilintarem no fundo e os pais inanimados no banco da frente. Pouco depois vê alguém pegar nela e leva-la para um ambulância, onde pouco depois desmaia com o stress todo.
Acordou ao outro dia com os tios ao lado. – Mamã? Papã? Disse baixo, ainda fraca do acidente. – Agora somos nós os teus Pais! Ouviu a voz do Tio, grossa e mal encarada a dizer aquela frase. Ela era demasiado pequena para perceber o que aquilo na realidade significava, mas de uma coisa estava certa, nunca mais iria ser feliz como outrora foi!



Os anos passaram e o ódio dentro de Lux pelos tios crescia cada vez mais, tornando o ambiente familiar impossível. Tiffany e Pedro tinham mais um filho, Ricky, o menino mimado da família.
Era sempre ele que tinha tudo, roupa nova, brinquedos novos, tudo de novo, enquanto que Lux lá se tinha de arranjar com o que lhe davam da loja rasca da cidade. Ricky também não ajudava nada, sempre fora muito mau com Lux, inclusive na escola, onde lhe roubou a roupa depois de educação física e a espalhou pelo átrio.

A história do acidente nunca lhe tinha saído da cabeça, algo devia estar errado, algo tinha de estar errado. Causa do acidente: rebentamento do cano da água. Como é que isso era possível se o carro era novo? E mesmo a carta que o Pai tinha escrito, mesmo essa Lux só a encontrou aos 17 anos sem querer ao limpar a casa. Tinham na escondida, mas não tão bem quanto pensavam.
Todos os maus tratos e a parte de desconfiar que o acidente fora provocado pelo Tio, tudo isso são magoas que ficam marcadas para sempre, e nunca ninguém as vais conseguir apagar. Antes fosse assim tão simples, antes fosse.




Lux voltava a sonhar com o acidente, e com tudo que vinha depois disso, agarrando com força os lençóis, movendo-se descoordenadamente, gritando com as dores sentimentais que lhe atormentavam a vida neste momento. – Papã? Mamã? Gritava na esperança de um sinal. Acordava pouco depois explosiva, com a cara encharcada em lágrimas e os braços arranhados das suas próprias unhas. – Porque Pai? Porque tão cedo…pegou na carta, agarrando a com força deixando escapar uma das fotos, era a foto mais importante, os três unidos. – Porque deste a carta a eles! Prometo vos que vou descobrir a verdade sobre o acidente, prometo! Levantou-se arrumando a carta na sua carteira, mais ninguém podia saber dela e muito menos lê-la!
Pegou no telefone e pediu alguma comida para o quarto, depois de reviver tudo de novo no sonho, a única coisa que queria era relaxar no seu quarto, as mudanças podiam esperar para o outro dia, e ter o prazer de discutir com o Bill também não estava nas primeiras hipóteses do dia.

Foi para a Janela com a caneca do chã, que entretanto já tinha chegado, e olhou pela janela, custava lhe ver o mar. Depois da morte dos Pais, nunca mais voltou a praia, e já nem sequer sabia o que era sentir as pequenas areias massajarem os seus pés ou sentir o sal da água nos lábios quando passava a língua por eles. – Um dia hei-de ter coragem para ir a uma. Disse com a mágoa na voz. Bebeu lentamente o seu chã enquanto olhava e se perdia na paisagem sem nunca tirar os Pais do seu pensamento.

O dia passava assim silencioso ,com Lux agarrada no pensamento e na tristeza…

“…minha pequenina, de certa forma já não estarei cá quando leres isto, mas promete-me que vais cuidar de ti, e que serás sempre a nossa bebé. Acredita, onde quer que os Papás estejam, nos amamos-te!”

Como era possível o Pai ter escrito aquilo assim? Já tinha planeado a sua própria morte? Sabia de algo e não queria contar? Seja o que for, o que Lux mais deseja agora é descobrir o passado e transforma-lo no presente, fazendo pagar pela morte dos Pais os causadores de tudo.



______________

Gostaram? ^^
Querem o 5º Capítulo brevemente? Very Happy
Digam o que acharam, Beijnhos
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Qui Jan 27, 2011 8:37 pm

Isso aê Lux! Diva *--*
Fiquei tristinha por ela,tadinha.
Posta mais Nicki!Estou anciosa,sabes disso hã?
Beijos querida.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Qui Jan 27, 2011 8:39 pm

Anny_Schäfer escreveu:

Fiquei tristinha por ela,tadinha.

Ah, também fiquei triste por ela, mimi
Continua loguinho liebe, adoro sua fic.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Júlia G.
Ao extremo
Ao extremo


Número de Mensagens : 2642
Idade : 20
Localização : Brasília
Data de inscrição : 27/08/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Qui Jan 27, 2011 8:42 pm

Claro que quero o 5º capítulo o mais breve possível Nicki Very Happy
Meu Deus, o que será que aconteceu nesse acidente? Será que foi tudo armação? Preciso saber. Desconfio muito dos tios da Lux, muito mesmo scratch

Continue logo, estou curiosa haha
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Qui Jan 27, 2011 10:57 pm

Amei o capítulo, coitada da Lux, fiquei triste por ela,
O que será que aconteceu, como os pais poderiam ter deixado uma carta de despedida se foi uma acidente, muitas perguntas aqui.
Não gostei dos tios dela.
Lógico que quero o quanto antes o próximo capítulo Nicki, por isso continue please... Very Happy
Voltar ao Topo Ir em baixo
Patty Back
Admin
Admin


Número de Mensagens : 4279
Idade : 22
Localização : Curitiba
Data de inscrição : 24/10/2008

Minha ficha
Como conheceu o fórum?:

MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Sex Jan 28, 2011 10:12 pm

Júlia G. escreveu:
Claro que quero o 5º capítulo o mais breve possível Nicki Very Happy
Meu Deus, o que será que aconteceu nesse acidente? Será que foi tudo armação? Preciso saber. Desconfio muito dos tios da Lux, muito mesmo scratch

Continue logo, estou curiosa haha
Concordo com a Júlia /hm
Ai, eu quero mais logo *-*
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.flickr.com/photos/trishback
Laura
Moderadores
Moderadores


Número de Mensagens : 3533
Idade : 22
Localização : RS
Data de inscrição : 17/12/2008

MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Sex Jan 28, 2011 11:10 pm

Awn, que triste ):
Estou ansiosa para mais capítulos, e também curiosa. Espero que momentos bons venham para a Lux ^^
Continua logo, Nicki Very Happy

_______________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://flavors.me/meinewelt
Pâmela.O.d.S
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 545
Idade : 20
Localização : RS/POA
Data de inscrição : 18/10/2009

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Sab Jan 29, 2011 1:31 pm

Ameeei o cap Smile
IIHH esta historia ai ta muito estranha,será que foi o tio dela que matou os seus pais?
tadinha da Lux
Continuaaaaa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Cassi
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 320
Idade : 20
Localização : Rio Grande do Sul *-*
Data de inscrição : 15/10/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Amigos

MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Dom Jan 30, 2011 2:32 pm

Karine Kaulitz escreveu:
Anny_Schäfer escreveu:

Fiquei tristinha por ela,tadinha.

Ah, também fiquei triste por ela, mimi
Continua loguinho liebe, adoro sua fic.

Eu também, MIMIMI :'(
Voltar ao Topo Ir em baixo
Gaby Cris
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 828
Idade : 20
Localização : Recife-PE
Data de inscrição : 20/02/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Amigos

MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Dom Jan 30, 2011 4:51 pm

Leitora nova/o/
-tôatrasadaéeusei- Boom Nicki, garota você escreve maravilhosamente bem. Sua fic tá ótima, quêquêisso-qq
Ain, que pena da Lux, tadinha não é fácil perder os pais tão cedo. E será mesmo que foi armação o acidente?? Espero que ela consiga descubrir isso. E a carta do pai O.o muito tenso isso.
Queridinha continue logo, tô louca pra ler o 5º cap.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Liih Kaulitz
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1438
Idade : 24
Localização : SP
Data de inscrição : 18/01/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Seg Jan 31, 2011 8:15 pm

aii que triste ;/ Tadinha da Lux...
Continua logo, liebe!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Nicki.Luxious
Iniciante


Número de Mensagens : 43
Idade : 26
Localização : Portugal
Data de inscrição : 23/01/2011

Minha ficha
Como conheceu o fórum?:

MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Sab Fev 05, 2011 9:44 pm

Minhas queridas e fofinhas meninas Very Happy Desculpem o atraso mas a escola não o permitiu Sad
Mas já cá estou e vou vos deixar hoje o 5º e amanha o 6º capítulo prometo Very Happy
Espero que continuem a gostar minhas lindas!






Lux acordava lentamente de mais um sono profundo que a levava para bem perto dos Pais, olhou para o relógio e já passava das 15h da tarde, esfregou os olhos e voltou a olhar. – Fuck! Levantou-se repentinamente vestindo o que lhe vinha as mãos, arrumou tudo o que tinha para arrumar nas suas malas e desceu para efectuar o check-out, já sabia que iria pagar multa pelo atraso, mas isso realmente pouco importa, o que realmente importa é que vai finalmente viver numa casa a qual pode chamar de ser só dela.

O check-out correu melhor do que esperava e depois de uns olhares provocantes, consegui apenas pagar os dias que esteve lá sem sequer se tocar no assunto da multa. Pegou em tudo entrando no primeiro táxi que lhe apareceu a frente, disse lhe o caminho e pouco depois já estava em frente ao seu novo prédio.

- Afinal até consigo ser alguém. Riu para si abrindo a porta da entrada e dirigindo-se para o elevador.

- Bom dia vizinha! Ouviu uma voz masculina e doce, virou-se sorrindo. – Bom dia vizinho. Sabia que não era o mal humorado do Bill mas sim o irmão. – Já por cá? Deu um pequeno empurrão fazendo a encostar-se ao espelho. – Eww…sim…vim para cá hoje. Olha? Não queres ir as compras comigo? Ele olhou a parvo. ¬ Eu? Porque não levas o Bill? Ele sim ama compras. Riu ao ver a expressão angustiada dela. – Ok ok prefiro ir sozinha. Virou-se amuada sentindo a sua mão tocar-lhe no ombro. – Calma eu não disse que não ia. Só tenho de ir compor uma música e depois vamos. Olhou a carinhoso. – Ah sim, esqueci-me, Tokio Hotel não é? Sorriu premindo o botão do 10º andar para que finalmente começasse a subir. – Sim, é esse o nosso nome. Sorriu – Já ouviste falar de nos? Olhou a bem nos olhos com um pouco de receio do que lhe iria sair pelos lábios carnudos. – Sim, mas infelizmente nunca tive muito tempo para me dedicar a ouvir música, sou uma inculta nesse campo. Sorriu envergonhada por estar a dizer aquelas coisas a um guitarrista famoso. – Oh calma, quando tiveres tempo eu ensino-te e mostro-te algumas coisas. Pegou-lhe na mão carinhoso. – Sim, agradeço. Sorriu sentindo pouco depois o elevador a parar e a porta a abrir. – Bem, eu vou compor algumas coisas e quando estiveres pronto, bate a porta. Sorriu indo despedindo-se apenas com um acenar de mãos.

Abriu rapidamente a porta e fechou-se em casa para que mais ninguém a visse, olhou para trás e viu que estava tudo escuro com as cortinas corridas. Correu até elas abrindo-as todas, deixando entrar os raios solares mais quentes e amarelados daquela tarde, sorridente olhando para o horizonte azulado. Virou-se correndo para ir buscar as malas e foi para o quarto, abriu todas as gavetas do armário começando a arrumar a roupa. – Roupa clara em cima e escura em baixo. Tenho de comprar roupa, isto mal enche metade de cada gaveta. Disse frustrada por ver tanto espaço vazio. Ficou um bocado ali sentada a pensar, a vida dela era feita de pensamentos, olhava em voltava e começava a desenhar na sua mente a nova decoração do quarto, que por agora era apenas branco, mas queria o roxo, a sua cor preferida.
Pouco depois sente alguém a bater a porta. – É ele, é ele. Levantou-se feliz indo até a porta abrindo-a. – Entra por favor. Sorriu olhando logo para um prato que ele trazia nas mãos. – O que é isso? Perguntou pegando nele ainda quente. – É um bolo que eu e o meu irmão fizemos, foi a nossa mãe que ensinou, mas … ewww…por favor não te assustes. Disse esfregando a mão nas suas tranças. – Não te preocupes, entra. Virou-se indo até a cozinha. – Tens a noção que não tenho bebidas nem nada para oferecer? Disse triste. – Isso vamos comprar agora. Sorriu lhe seguindo-a – Ahh sim, deixo arrefecer então. Destapou deixando escapar uma gargalhada. ¬Desculpa Tom, mas o que é isto? Tapou a boca com a mão para não rir mais, ou pelo menos tentava. – É o bolo, ficou foi tempo a mais no formo, mas por dentro o creme deve se comer. Disse embaraçado. – O Bill bem disse para não o trazer. Disse com alguma agressividade. – Oh cala-te. Logo comemos o creme com a colher então. Sorriu pondo o bolo na janela para arrefecer. De facto o bolo já se parecia mais com carvão do que propriamente com um bolo daqueles de fazer crescer água na boca. – A sério? Sorriu ainda tímido. – Claro, não há problema. Vamos? Puxou o pela mão. ¬Vamos sim, o meu carro já esta lá em baixo. Esboçou um pequeno sorriso indo a frente indicando o caminho até ao seu Audi R8.

- Bem, mas que carro! Deixou escapar um pequeno suspiro quando o viu ficando de boca aberta. – Só gosto de carros rápidos, sabes, amo velocidade. Abriu o carro sentando-se. – Então este é daqueles que faz brum brum? Riu quando reparou na pergunta infantil que acabou de fazer. – Sim faz brum brum, muito brum brum! Riu com ela conduzindo até ao primeiro Wall Markt que lhe aparecia a frente. Lá ela poderia comprar de tudo, não muito grande porque o carro também não o permitia.

As compras como era de esperar, duraram imenso tempo deixando Tom um bocado atrapalhado sem saber o que fazer. Ela quase que corria pelos corredores admirada com o tamanho delas. – Em Portugal isto não é assim sabes? Di-lo tão rápido que ele já nem a via outra vez. – É capaz para andares assim feita barata tonta de um lado para o outro. Corria atrás dela. – Acho que já tenho tudo. Depois a mobília, venho noutro dia. Sorriu levando o carrinho enorme para uma caixa automática onde começou o registo. – Sabes, eu temo que isto não vá caber tudo no meu carro. Riu quando ela acelerou o registo. – Tem de caber, eu preciso! Disse sorrindo-lhe. – Eu sei, mas o meu carro não é como o do Bill, para a próxima trago o dele. Ela olhou-o logo. – Mas só o carro! Parou por momentos olhando-o. – Oh vá lá. Vocês mal se conhecem, bem que podiam tentar falar e sorrir, em vez de quase se matarem, não é? Olhou a querido. – Ele que não se armasse em esperto comigo! Já esta, ajuda-me a levar isto por favor. Sorriu dando-lhe a maioria dos sacos. – Oh god! Sim, mas ele é assim ao inicio, ou pelo menos era. God porque só levas um saco? E eu tenho de levar o resto? Tentou andar com o resto dos sacos, era quase impossível, sete sacos para ele e um para ela. – As meninas estimam-se. Vá mostra lá esses músculos a trabalhar. Riu indo a frente abrindo o carro com a chave. – Puuh! Acho que cabe tudo. Disse exausto pondo os sacos na mala. – Ainda bem. Vamos para casa sim! Sorriu-lhe! – Sim vamos, eu faço algo para comer, e obrigada por vires. Sorriu lhe sentando-se.

Já em casa ela preparou algo para eles comerem enquanto Tom se divertia a arrumar as coisas nos armários da cozinha. Estavam a passar um bom momento juntos, a rir e a contar coisas engraçadas um ao outro. Lux não queria contar a sua vida, era demasiado triste, e não queria ser vista como “a coitadinha”. Sabia que tinha de contar mas não para já. Não queria de forma alguma estragar aquele momento que a estava a fazer tão feliz.


****To be continued****
Voltar ao Topo Ir em baixo
Patty Back
Admin
Admin


Número de Mensagens : 4279
Idade : 22
Localização : Curitiba
Data de inscrição : 24/10/2008

Minha ficha
Como conheceu o fórum?:

MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Dom Fev 06, 2011 1:52 am

ai que tom fofo doce
ele foi às compras com ela, ficou o dia ao seu lado e ainda a ajudou a arrumar as coisas... nossa, derrete/

mais, mais, mais... por favor i.i /imploradejoelhos*
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.flickr.com/photos/trishback
/anna.
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 322
Idade : 23
Localização : Rio Grande do Sul
Data de inscrição : 03/04/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Dom Fev 06, 2011 12:52 pm

Patty Back-K escreveu:
ai que tom fofo doce
ele foi às compras com ela, ficou o dia ao seu lado e ainda a ajudou a arrumar as coisas... nossa, derrete/

mais, mais, mais... por favor i.i /imploradejoelhos*

é.
que lindo Very Happy nunca imaginei um Tom tão sociável e gentil assim lixa mas eu estou adorando isso Very Happy
quero um Tom assim *-*
quero mais yaya e desculpa o atraso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Dom Fev 06, 2011 1:09 pm

Tom, muito fofo foi as compras com ela,
Só que claro, não seria o Tom se não reclamasse de algo, como por exemplo carregar as compras heheh adorei.
A Lux ainda não se sente muito a vontade com o fato de se encontrar com o Bill a qualquer momento, hehe, quero só ver o que vai acontecer quando se encontrarem...
Nicki, continue logo please, eu estou adorando a fic... quero mais...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Laura
Moderadores
Moderadores


Número de Mensagens : 3533
Idade : 22
Localização : RS
Data de inscrição : 17/12/2008

MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Dom Fev 06, 2011 9:02 pm

Tom indo fazendo compras com ela, QUE FOFO *-*
Continua logo, Nicki Very Happy

_______________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://flavors.me/meinewelt
Pâmela.O.d.S
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 545
Idade : 20
Localização : RS/POA
Data de inscrição : 18/10/2009

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Dom Fev 06, 2011 9:58 pm

óóó derreti com tom hehe ^^
adorei essa amizade que esta crescendo entre lux eo tom
continuuuua quero maaais =D
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]   Hoje à(s) 2:55 am

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 2 de 4Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte
 Tópicos similares
-
» You can't stop me - 9º cap. [Sunset!]
» Hipshot Double Stop Lever (Bass Xtender)
» Jogo das flores
» Urgente, novo tipo de chuva está se espalhando
» Problemas no Espigão

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
TH BRASIL OFICIAL - Fórum :: Fan Stuff :: FanFics-
Ir para: