Fórum Oficial do Tokio Hotel no Brasil - TH BRASIL OFICIAL FÓRUM
 
InícioPortalRegistrar-seLoginIr para o site@THBRASILOFICIALFacebook

Compartilhe | 
 

 Dear Diary(unknown )

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte

Como anda Dear Diary?
 ótima? (Ok,deixa eu sonhar)
 Boa
 Regular
 Ruim
 Não sei,estou começando a ler agora
Exibir resultados
AutorMensagem
bia.babi
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1235
Idade : 19
Localização : Santo André/SP
Data de inscrição : 20/06/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Sab Set 17, 2011 7:54 pm

DesiiH:KKKKKKKKKK Que animação AUSAUSUAS,mas eu também estava com saudades de escrever e de ler os comentários fodasticos de vocês ^^/ Bill mostrando ai pra todo mundo que ele pode ser tão pegador quanto Tom,vai pensando que ele é santinho KKK/Não sei quem passou mais vergonha,eles ou o vigia que chegou bem na hora hein.../ KKKK Pois é,o jeitinho do interior dela é muito simpático (Hum,não sei se o que eu acabei de falar fez sentido)/Olha,tem algo relacionado hoje a isso,mas ainda assim,não va ser nesse capitulo que vocês vão saber o porque de tanto ódio,vou avisando que não é lá grande coisa,mas tem homem que gosta de fazer birra né,Chris é um desses/ KKKK Bill ta armando ai,pois é,também acho que não era só isso mas.../KKK E com toda a razão,ja demorei muito a postar e agora eu estou voltando com muitas idéias #Muhahaha (Ok,porque eu usei " # " sem estar no twitter,Oh God!)/Obrigada pelo apoio DesiiH,tenha uma ótima leitura e espero que goste do capitulo ^^
Laviny:Ai que dó Laviny,queria poder ter te contado quem é o pai mas não posso (AAA) /lembrando que ali só esta valendo a o bebe,pode ser tanto mulher quanto homem que vai ser papai ou mamãe UASUAUSUAS/Queria poder dar dicas mas iria ficar óbvio demais,então vocês descobrirão hãã,não digo em breve porque tem muita coisa pra acontecer ainda então.../KKK Pode deixar,não digo que vai ter uma festa mas vai ter algo parecido que você vai poder rir muito da Bella kk/EEE A consciência voltou KKK /Consciência coitada da Laviny...AUSHAUSAUHS/Ai liebe,morro de rir com seus comentários,espero que goste do capitulo e uma ótima leitura
CASIDIZ*: Pois é,quando eu estava na sexta série eu estudava das oito as cinco,sei que não é nada comparado a isso mas era cansativo,devo imaginar como é com você,mas cmo você disse,a vida é assim!.../ KKKK Danke,já é ótimo ver que tenho toda a ajuda possivel aqui liebe ^^ / Eu tentei fazer esse capitulo o melhor para vocês,e fico feliz por ter amado,é tão bom ler isso sabe,da uma felicidade *o*,obrigado CASIDIZ*,você nem imagina o quanto eu adoro ler isso KKK / KKKKK O Bill provou nesse capitulo que é realmente irmão de Tom Kaulitz,ao menos,se rolasse alguma coisa ali,iria ter um sofá para eles se apoiarem,imagina que horror se fosse,sei lá,em um banheiro (Hurgh!) KK,acho que é carência mesmo / Pois é,aposto que Bill irá ficar vermelho como um tomate,enfim,veremos...Será que a Cherie também vai falar que estava bebeda,imagina,se fosse assim Bill atrairia mulheres bebadas e taradas hein .../O ódio do Chris vai ser explicado,vou avisando que não é lá grande coisa,é só birra de homem mesmo KK,mas não vai ser nesse capitulo,só no próximo então aguarde Very Happy / O jeitinho do interior da Lisi esta encantando a todos,e quem mais será que vai encantar hein?(mistério)/Pode ser o Brad ou o Bill,Tom,Bella,lembrando que o que vale é só o bebê,esqueçam a mão de homem que ets trocando a fralda dele no gif,é que eu não achei outro KKK/ EE Novissimo capitulo hoje liebe,espero que goste,muuito obrigado por estar aqui e uma ótima leitura Wink



EE,cá estou novamente
O gif do bebe esta trazendo polêmica né?KKK
Quem será o papai ou a mamãe da fic? Bella? Bill? Brad? Lisi? Tom e assim vai.... (TAM TAM TAM TAM....)
Enfim,vou mudar de assunto ja que não posso falar quem será e nem dar dica pois vai ficar muito na cara quem será então....
Como eu disse no twitter,o capitulo de hoje vai rolar briga affraid
Pois é,a cobra vai fumar.Cara,eu fiquei muito tempo escrevendo esse capitulo sabe,queria deixar-lo perfeito,bom,não ficou como eu esperava mas ...Vai ficar a critério de vocês se esta bom ou não
Enfim,uma boa leitura a todas




28 ° capitulo
Monstro

Choramos ao nascer porque chegamos a este imenso cenário de dementes.

William Shakespeare

Era difícil acompanhar Bill com seus passos tão largos e rápidos,algumas vezes eu tinha que correr um pouco para ficar próximo dele, no entanto,nós ainda nem tínhamos saído do prédio do refeitório ainda.

Perguntei-me se eu arfava por estar quase correndo ou por estar apenas nervosa com a situação.Apesar de não ter lá um sexto sentido que segundo “todo mundo” as mulheres tem,posso ver que há algo errado,afinal,eu não sei ler muito bem as pessoas mas Bill é quase como um livro aberto,só que algumas páginas foram arrancadas.

-Você esta bem Bill? Parece-me um tanto apreensivo.

-Estou ótimo,não poderia estar melhor – disse ele,mas pareceu hesitar um pouco antes de falar

-Hum – Pensei retomar a conversa de outro jeito, mas a tentativa pareceu um pouco inútil , mas não minha vontade de ajudar-lo , ele faz parte de minha vida agora e é isso que fazemos por pessoas que amamos,ao menos é isso que eu aprendi.

-Bella ! – Ele parou bruscamente na minha frente – Preciso te contar algo,mas não sei como ...

A urgência em suas palavras me assustara

-O que aconteceu Bill? É algo com você? Muito grave?

-Não é grave e sim é algo comigo .

As suas palavras atiçaram minha curiosidade provocando raiva por tanto mistério

-Estou ouvindo.

-Eu... – Seu olhar fora desviado de mim para algum lugar distante,ele estreitara seus olhos verificando algo – Seu irmão faz faculdade Isabella?

Franzi o cenho não entendendo se a colocação de sua frase era para ser sobre o que ele iria contar ou apenas uma conversa paralela para tentar mudar de assunto,mas ele segurou meus ombros girando – me para o lado contrário que íamos, e um pouco longe,pude ver Brad.Ele estava diferente,seu moicano colorido havia saído dando lugar a um cabelo castanho normal,não havia sinal de seus piercings e ele vestia roupas normais.Eu jamais o reconheceria.

-O que ele faz aqui?

-Talvez tenha vindo te procurar .

Bill poderia estar certo,mas o modo dele andar...Não parecia lá muito calmo.


-Eu já volto- falei enquanto deixava o “tudo bem” de Bill no ar logo atrás de mim.Tropecei em meus pés algumas vezes ao longo do percurso até Brad. Me aproximei de meu irmão sem ar ,pousei minha mão sobre seu ombro,tentando também me apoiar para que pudesse tomar meu fôlego novamente.

Ele pareceu assustado a principio,não pareceu que esperava por mim,seus olhos procuravam por alguém lá dentro enquanto sua boca abria rapidamente,não consegui pegar a frase desde o inicio.

-... e o que você faz aqui?

Balancei minha cabeça em confusão,essa pergunta não deveria me pertencer?

-Eu vou fazer faculdade aqui,e você?O que faz aqui?

-Estou procurando alguém!

-Eu percebi isso e pelo ... –Meu irmão me virou as costas repentinamente e entrara no refeitório,seus punhos cerrados me assustaram a principio,mas não mais do que quando eu vi para onde ele ia.

Meu corpo congelou ao ver que Chris ia em sua direção com tanta raiva que Brad ia na dele,esperei para ver se não era coisa de minha cabeça mas Brad me mostrou ao contrário ao acertar um soco no olho de Chris,o fazendo cair sobre a mesa um pouco tonto.

Me vi correndo em direção a briga sem perceber,um tumulto começara a se formar,pude ouvir o grito de Bill que chamava por meu nome na porta do refeitório,mas era tarde demais para voltar,eu já estava no meio de tudo.

Brad dera um soco no estômago de Chris forte o bastante para ele se encostar na mesa e agoniar de dor,no entanto ele revidara com um soco na face de meu irmão que não seria tão doloroso se Chris não usasse um anel ou algo do tipo.

Parem”,eu queria pedir aos dois, mas o pânico tomara conta de mim,não conseguia encontrar “forças” para fazer os músculos de minha boca trabalharem para abrir-la e implorar para que apenas parassem,eu estava ali mas como um enfeite enquanto algumas pessoas tentavam me empurrar para visualizar melhor a briga.

Onde estão os responsáveis dessa faculdade?Onde estão os seguranças?

Os dois pareciam cansados,mas meu irmão não parecia querer desistir tão cedo e Chris não pararia até ver Brad no hospital.

Brad de repente tomara espaço e empurrara Chris,não forte o bastante para machucar-lo mais ainda,era apenas uma estratégia para que ele caísse no chão e ficasse um pouco tonto.Pude prever o que Brad faria,os socos seguidos que ele daria ...

No entanto Chris fora mais rápido que meu irmão,ele passou suas pernas por volta das de Brad,que o fizera perder o equilíbrio e cair,pude ouvir o estralar de suas costas e seu alto gemido de dor.Meu coração pareceu parar por um instante,fora o único golpe que o fizera se encolher de dor.

Chris levantara-se com um pouco de desequilíbrio e esperou que Brad fizesse o mesmo.

Aquilo era como um jogo para eles,para poder mostrar quem era o mais forte de quem ali,e naquele momento,não era Brad.Ele ainda não estava muito consciente,mesmo que estivesse de pé.

A adrenalina corria em minhas veias,eu sabia que se não parasse aquela briga agora,as coisas se complicariam.

Obriguei minhas pernas a se mexerem e finquei meu lugar a frente de Brad,o protegendo de um certa forma,encarando o olhar quente e penetrante de Chris em mim e em meu irmão .

-Parem vocês dois, se quiserem se matar vão ter que passar por cima de mim primeiro!- minhas palavras eram trêmulas, fiquei com medo de que eles realmente o fizessem ou me empurrassem para terminar a briga e descobrir quem seria o macho alfa de tudo aquilo.

-Bella ...- Brad gemera de dor ainda logo atrás de mim – O que diabos você esta fazendo?

-Salvando a sua vida,não parece?

Brad dera uma pequena risada,depois senti seus braços em volta de meus ombros.Meu irmão não se agüentava em pé,e por pouco eu quase não o agüento.

-Isso ainda não acabou,sua Vadia,filho de uma mãe – Ele cuspiu nos sapatos de Chris,quis ver a reação de Chris mas percebi que Brad cuspira sangue.

Meu coração começara a acelerar,perder Brad por causa de um briguinha qualquer me fez perder a cabeça

-Vou te levar para o hospital – falei enquanto a multidão se abria para que pudéssemos passar.Meu pé estava quase virando com peso de Brad quase todo sobre mim.

-Não precisa,estou acostumado com isso,vou ficar bom.

-Você esta sendo irracional,acabou de cuspir sangue!

-Que meigo,minha irmãzinha se preocupando comigo,que tal irmos para casa,nos sentarmos em volta da mesa e falar sobre sentimentos?

-Como você é idiota – o seu tom de ironia me irritava, dessa vez eu gostaria de poder socar-lo –Nós vamos ao hospital,você querendo ou não,e depois você vai me contar o porque de tudo isso.

Ele ficara quieto ao meu lado,Bill viera em nossa direção,sem questionar pegou o outro braço de Brad e passou por seu ombro,pude sentir o alivio sob meu corpo.

-Tenho que levar-lo ao hospital

-Tudo bem – Bill pareceu cansado,ele estava todo curvado para poder carregar meu irmão – Eu lhes levo até lá.

-Obrigado – minha respiração falhava,a adrenalina ainda percorria por minhas veias

-Não por isso.Cara,só não suja minha roupa de sangue!
Voltar ao Topo Ir em baixo
LavinyBkauTkauGG
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 524
Idade : 20
Localização : Onde judas perdeu o par DIREITO das botas
Data de inscrição : 08/10/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Outro

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Sab Set 17, 2011 9:19 pm

bia.babi escreveu:

Laviny:Ai que dó Laviny,queria poder ter te contado quem é o pai mas não posso (AAA) /lembrando que ali só esta valendo a o bebe,pode ser tanto mulher quanto homem que vai ser papai ou mamãe UASUAUSUAS/Queria poder dar dicas mas iria ficar óbvio demais,então vocês descobrirão hãã,não digo em breve porque tem muita coisa pra acontecer ainda então.../KKK Pode deixar,não digo que vai ter uma festa mas vai ter algo parecido que você vai poder rir muito da Bella kk/EEE A consciência voltou KKK /Consciência coitada da Laviny...AUSHAUSAUHS/Ai liebe,morro de rir com seus comentários,espero que goste do capitulo e uma ótima leitura


-Como você é idiota – o seu tom de ironia me irritava, dessa vez eu gostaria de poder socar-lo –Nós vamos ao hospital,você querendo ou não,e depois você vai me contar o porque de tudo isso.

Ele ficara quieto ao meu lado,Bill viera em nossa direção,sem questionar pegou o outro braço de Brad e passou por seu ombro,pude sentir o alivio sob meu corpo.

-Tenho que levar-lo ao hospital

-Tudo bem – Bill pareceu cansado,ele estava todo curvado para poder carregar meu irmão – Eu lhes levo até lá.

-Obrigado – minha respiração falhava,a adrenalina ainda percorria por minhas veias

-Não por isso.Cara,só não suja minha roupa de sangue!

kkkkkk ela sentiu falta de nois Conciência #pulando bounce

consciência on
_pare de pular vei
eu*nossa ignoranti
_haha eu seii q sou e vc e retardada
eu* ela me ama vocês perceberam
_ironia mandou lembranças Barbara Twisted Evil
eu*EU NÃO GOSTO QUEM ME CHAMEM DE BARABARA Evil or Very Mad
_ai ficou nervosinha hihi
eu*desisto de você
_ownt serio yaya
eu*vou te ignorar sou mal
consciência off

Gente eu amei esse final nossa o Brad e hilario na minha opinião, ahha porque você faz isso comigo Bia deixa-se o Bill falar e depois ele falava com a Bella do Brad na faculdade agora eu estou curiosa aqui por isso e por causa da historia do Bebe também.
continuee ai nun teve uma festa mais essa briga ficou muito legal ei quero muito saber o motivo ja to ate imaginando os motivos bounce
bj buchecha
Voltar ao Topo Ir em baixo
writterfireball
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 1005
Idade : 19
Localização : Santo André/São Paulo
Data de inscrição : 14/08/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Buscador

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Ter Set 20, 2011 1:57 pm

Eu preciso colocar lembretes no meu notebook para não esquecer de ver os novos capítulos de uma fic. Enfim...
O que ser isto Brad?
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://the-heir-of-suburbia.tumblr.com/
DesiiH k.
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 658
Idade : 20
Localização : Porto Alegre
Data de inscrição : 23/01/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Sex Set 30, 2011 2:07 pm

BIIIIIIIIIIIAAAAAAAAAA!!!
não pude vir antes, desculpa mesmo, acabei hoje as provas bimestrais T.T
Mas o que tá acontecendo nessa fic? O.O quando eu penso que vou entender tudo, esses dois saem no pau e eu boio mais ainda HSIAUSHAIU qual o motivo do barraco na faculdade? kk
e o mais surpreendente: BRAD SEM MOICANO E PIERCINGS??? COMO ASSIM, QUE QUE HOUVE COM ELE MY GOD! KKK
depois de tudo, o Bill ta se preocupando com as roupas dele que tem que ficar limpas..SÉRIO BILL? SÉRIO MESMO? ¬¬ KKKKKKKKKK
proximo capitulo pra ontem senhorita Bia, ande ande u.ú hahaha
Voltar ao Topo Ir em baixo
Biaah *
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 991
Idade : 20
Localização : Sampaa
Data de inscrição : 25/03/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Sex Set 30, 2011 9:58 pm

DesiiH k. escreveu:
Mas o que tá acontecendo nessa fic? O.O quando eu penso que vou entender tudo, esses dois saem no pau e eu boio mais ainda HSIAUSHAIU qual o motivo do barraco na faculdade? kk
e o mais surpreendente: BRAD SEM MOICANO E PIERCINGS??? COMO ASSIM, QUE QUE HOUVE COM ELE MY GOD! KKK
depois de tudo, o Bill ta se preocupando com as roupas dele que tem que ficar limpas..SÉRIO BILL? SÉRIO MESMO? ¬¬ KKKKKKKKKK
proximo capitulo pra ontem senhorita Bia, ande ande u.ú hahaha
+1
Voltar ao Topo Ir em baixo
writterfireball
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 1005
Idade : 19
Localização : Santo André/São Paulo
Data de inscrição : 14/08/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Buscador

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Sab Out 01, 2011 8:32 pm

Cadê fic?
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://the-heir-of-suburbia.tumblr.com/
CASIDIZ*
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 769
Idade : 21
Localização : Rio de Janeiro
Data de inscrição : 08/03/2011

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Sab Out 01, 2011 8:39 pm

bia.babi escreveu:
CASIDIZ*: Pois é,quando eu estava na sexta série eu estudava das oito as cinco,sei que não é nada comparado a isso mas era cansativo,devo imaginar como é com você,mas cmo você disse,a vida é assim!.../ KKKK Danke,já é ótimo ver que tenho toda a ajuda possivel aqui liebe ^^ / Eu tentei fazer esse capitulo o melhor para vocês,e fico feliz por ter amado,é tão bom ler isso sabe,da uma felicidade *o*,obrigado CASIDIZ*,você nem imagina o quanto eu adoro ler isso KKK / KKKKK O Bill provou nesse capitulo que é realmente irmão de Tom Kaulitz,ao menos,se rolasse alguma coisa ali,iria ter um sofá para eles se apoiarem,imagina que horror se fosse,sei lá,em um banheiro (Hurgh!) KK,acho que é carência mesmo / Pois é,aposto que Bill irá ficar vermelho como um tomate,enfim,veremos...Será que a Cherie também vai falar que estava bebeda,imagina,se fosse assim Bill atrairia mulheres bebadas e taradas hein .../O ódio do Chris vai ser explicado,vou avisando que não é lá grande coisa,é só birra de homem mesmo KK,mas não vai ser nesse capitulo,só no próximo então aguarde / O jeitinho do interior da Lisi esta encantando a todos,e quem mais será que vai encantar hein?(mistério)/Pode ser o Brad ou o Bill,Tom,Bella,lembrando que o que vale é só o bebê,esqueçam a mão de homem que ets trocando a fralda dele no gif,é que eu não achei outro KKK/ EE Novissimo capitulo hoje liebe,espero que goste,muuito obrigado por estar aqui e uma ótima leitura
Owwwnnn doce Muito obrigada por me responder sempre com tanto carinho!!! *-*
Me desculpe pela demora DDD: É que estou meio atolada!!! x.x'

DesiiH k. escreveu:
BIIIIIIIIIIIAAAAAAAAAA!!!
não pude vir antes, desculpa mesmo, acabei hoje as provas bimestrais T.T
Mas o que tá acontecendo nessa fic? O.O quando eu penso que vou entender tudo, esses dois saem no pau e eu boio mais ainda HSIAUSHAIU qual o motivo do barraco na faculdade? kk
e o mais surpreendente: BRAD SEM MOICANO E PIERCINGS??? COMO ASSIM, QUE QUE HOUVE COM ELE MY GOD! KKK
depois de tudo, o Bill ta se preocupando com as roupas dele que tem que ficar limpas..SÉRIO BILL? SÉRIO MESMO? ¬¬ KKKKKKKKKK
proximo capitulo pra ontem senhorita Bia, ande ande u.ú hahaha
A DesiiH k. falou tudo!!!! \o\
Essa briga me deixou bastante intrigada ¬¬2
Fora que essa briga acabou com o clima inexistente entre a Bella e o Bill :'( kkkk
E de verdade Sr: Bill Kaulitz você não acha que a vida de uma pessoa é mais importante que as suas roupas de grife??? heim?? ¬¬ kkkkkk

Bia você me deixou tensa com essa declaração
Citação :
O jeitinho do interior da Lisi esta encantando a todos,e quem mais será que vai encantar hein?(mistério)/
agora sim vou ter mais minhocas na cabeça x.x''
E sobre esse bebezinho que irá aparecer, continuo morta de curiosidade. Mais ainda acho que será coisa do Brad tongue

Eu gostei muito desse capitulo :*-*:
E estou louca pelo próximo, então continua, continua yaya yaya yaya
Voltar ao Topo Ir em baixo
Sara Kaulitz2
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 1172
Idade : 19
Localização : Humanoid City
Data de inscrição : 22/05/2011

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Ter Out 04, 2011 10:08 pm

CASIDIZ* escreveu:

DesiiH k. escreveu:
BIIIIIIIIIIIAAAAAAAAAA!!!
não pude vir antes, desculpa mesmo, acabei hoje as provas bimestrais T.T
Mas o que tá acontecendo nessa fic? O.O quando eu penso que vou entender tudo, esses dois saem no pau e eu boio mais ainda HSIAUSHAIU qual o motivo do barraco na faculdade? kk
e o mais surpreendente: BRAD SEM MOICANO E PIERCINGS??? COMO ASSIM, QUE QUE HOUVE COM ELE MY GOD! KKK
depois de tudo, o Bill ta se preocupando com as roupas dele que tem que ficar limpas..SÉRIO BILL? SÉRIO MESMO? ¬¬ KKKKKKKKKK
proximo capitulo pra ontem senhorita Bia, ande ande u.ú hahaha
A DesiiH k. falou tudo!!!! \o\
Essa briga me deixou bastante intrigada ¬¬2
Fora que essa briga acabou com o clima inexistente entre a Bella e o Bill :'( kkkk
E de verdade Sr: Bill Kaulitz você não acha que a vida de uma pessoa é mais importante que as suas roupas de grife??? heim?? ¬¬ kkkkkk

Bia você me deixou tensa com essa declaração
Citação :
O jeitinho do interior da Lisi esta encantando a todos,e quem mais será que vai encantar hein?(mistério)/
agora sim vou ter mais minhocas na cabeça x.x''
E sobre esse bebezinho que irá aparecer, continuo morta de curiosidade. Mais ainda acho que será coisa do Brad tongue

Eu gostei muito desse capitulo :*-*:
E estou louca pelo próximo, então continua, continua yaya yaya yaya
Já disseram Tuudo.
Deesculpa o atraso Biaa, mil perdões!
Enfim....ADOOOREI os capítulos liebe! *-*
Voltar ao Topo Ir em baixo
bia.babi
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1235
Idade : 19
Localização : Santo André/SP
Data de inscrição : 20/06/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Qua Out 05, 2011 9:41 pm

Demorei mas chegei (eeee)
Desculpa ai o atraso,assim como muito de vocês eu tinha provas de final de bimestre,pois é,o vida dificil KKKK
Enfim,desculpem não responder os comentários,é que as vezes minha internet cai então não quero arriscar a não postar o capitulo,mas como vocês sabe,eu irei responder quando postar novamente Very Happy
Anyway,gostaria de agradecer o comentários de todas,tudo bem algumas de vocês não terem comentado antes,relaxem,ao menos vocês estão aqui e também,olha eu não posso falar nada,também me atrasei,eu apenas mandei as MP pois as vezes ocorre que eu poste a alguém não perceber
De qualquer jeito,espero que vocês gostem desse capitulo,era para ter postado ele domingo mas eu achei que ele tava um lixo então eu apaguei tudo e comecei novamente
Enfim,boa leitura a todas,espero que gostem Wink



Por favor não me deixe


Nunca me dei bem sendo um sábio
Também não daria certo sendo um pobre roubando
Estou cansado de viver como um cego
Me sinto doente por dentro, sem sinal de sentimentos
[...]
Não é como se você não soubesse
Eu disse que a amava e juro que ainda amo
Deve ter sido péssimo
Pois viver comigo deve ter quase matado você

How you remind me - Nickelback

Acabou que Brad não nos deixou levar-lo ao hospital,com a desculpa de poder ir preso pelos inúmeros “crimes” que ele cometera no passado,por ser procurado e etc.

Falei então para Bill ir para casa que eu levaria Brad,ele hesitou a primeiro momento mas logo depois cedeu por uma ligação perturbadora que recebera,ele não quis me dizer o que era.Apenas fora embora cuspindo algumas palavras em alemão que pareciam meio ofensivas,deduzi obviamente,apesar da minha ignorância sobre sua cultura.

Chegamos a casa e Brad ainda relutava para não me contar o que havia se passado no refeitório, apesar de minha cobrança a cada minuto desde que saímos de lá,mas eu apenas consegui deixar-lo irritado com tanta teimosia de minha parte.

Mas ele não era o único a ficar com as emoções a flor da pele,o jeito que meu irmão estava a me tratar era digna de ódio,quando ele irá perceber que não sou uma criança?

-Você poderia ser uma pouco menos idiota e me dizer que infernos aconteceu na faculdade?

-Como assim? – ele se jogara no sofá

-Como assim? – indaguei cética

-Eu peguei meu punho e enterrei na cara daquele idiota

-Brad!

-O que Isabella? Eu vou precisar dar explicação para tudo que eu fizer na minha vida?

-É,acho que vai,o que aconteceu lá,e o que aconteceu com você?

-Ah! – ele dera um sorriso malicioso,isso me fez enfurecer mais,o jeito de como ele levava tudo a base de diversão me dava raiva,e ele apenas fazia mais para me irritar – É mais fácil para,você sabe,não ser achado por aquelas porcos fardados.

-E sobre o Chris?

-Você o conhece? – Brad questionou parecendo mais irritado do que eu consegui deixar – lo o dia todo,ele se levantara mancando para pegar uma cerveja na geladeira e me fitar esperando por uma resposta

-Não,mais ou menos,mas o fato aqui não sou eu e você sabe muito bem disso.

Ele franzira o cenho,Brad não esta acostumado a receber ordens,e vindo de uma mulher o deixa mais perturbado.

-Aquele filho de uma mãe arranhou meu bebe,furou as quatro rodas e roubou a bateria da minha garota.

Senti a adrenalina indo embora,a amargura e a sensação de nada tomaram o seu lugar invadindo meu corpo,mente e alma enquanto eu tentava absorver toda aquela história.

-Por que você é tão imbecil?

-Como assim?

-É essa sua obsessão por violência,você não percebeu o quão psicopata você esta se tornando,se você já não é um.

-O que?Não venha me falar como eu sou ou não sou.você nunca esteve no meu lugar,não venha dar uma de coitadinha quando foi você que viveu sua vida inteira com sua família perfeita e depois as custas de uma tia riquinha.

-Você não sabe como é a dor de uma perda!

-É claro,eu nunca tive nada pra perder.

-Falou,me desculpe por minha ignorância senhor Brad,mas isso não muda o fato de você ir na faculdade socar um cara só pra mostrar o quão machão você é!

- Isso não tem nada a ver com quem é mais homem,são princípios!


-Princípios de que? Vocês pareciam dois animais, não posso acreditar que seja meu irmão,que coisa mais estúpida!


-Não pareceu tão estúpido quando você chegou de malas aqui em casa.


-Não,não foi assim,mas já que você pensa desse jeito,eu saio da sua casa.


-Ótimo,pode ir,tenta aparecer na casa do Chris de lingerie,quem sabe ele não te dá um teto ou dinheiro.


O olhei ferozmente,peguei um pequeno vaso de vidro ao meu lado e joguei contra ele.O vaso quebrara em seus braços quando ele se defendera.


Logo após viera um gemido de dor, pensei que o tinha cortado e comecei a ficar com remorso .

Não via sangue pingando no chão,mas Brad começou a perder a consciência ,fora caindo vagarosamente,seus olhos ainda estavam abertos,fixados em mim.Só poderia ser um brincadeira dele.


-Brad para com isso,não é nada engraçado ficar fingindo esse tipo de coisa.


Ele nada disse,seus olhos haviam se fechado.

Corri em sua direção aflita,comecei a chacoalhar-lo desesperadamente


-Brad,por favor se for uma brincadeira pare,esta me deixando assustada,Brad! Brad!


Não pudera conter minhas lágrimas,estava em prantos,eu não matei meu irmão não?


- Brad,por favor acorda,eu te amo Brad,por – favor ,Brad,eu não,eu não ...Droga!


Coloquei Brad em cima de meu colo procurando por sinais de lucidez,tentei reanimar-lo sem sucesso.Segurei em sua mão firme,e com a minha outra livre chamei a ambulância.
Voltar ao Topo Ir em baixo
LavinyBkauTkauGG
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 524
Idade : 20
Localização : Onde judas perdeu o par DIREITO das botas
Data de inscrição : 08/10/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Outro

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Qui Out 06, 2011 6:08 pm

eita tenso esse capitulo mais também foi profundo
cara vei tipo assim o Brad disse umas paradas ai como se o Cris tivesse feito isso com a mulher dele . como sempre néah Bia vc me surpreendeu ficou realmente muito bom esse capitulo.
continuee
Voltar ao Topo Ir em baixo
writterfireball
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 1005
Idade : 19
Localização : Santo André/São Paulo
Data de inscrição : 14/08/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Buscador

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Sab Out 08, 2011 7:22 pm

LavinyBkauTkauGG escreveu:
eita tenso esse capitulo mais também foi profundo
cara vei tipo assim o Brad disse umas paradas ai como se o Cris tivesse feito isso com a mulher dele . como sempre néah Bia vc me surpreendeu ficou realmente muito bom esse capitulo.
continuee
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://the-heir-of-suburbia.tumblr.com/
bia.babi
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1235
Idade : 19
Localização : Santo André/SP
Data de inscrição : 20/06/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Sab Out 29, 2011 9:37 pm

Laviny and Mayara:Pois é,esses homens são confusos,aposto que se fosse com a mulher dele ele não ficaria tão bravo né!/Own,obrigada Laviny and Mayara,continuo sim,espero que gostem,uma ótima leitura ^^

Gente desculpa a demora para fic,bom...Os mesmo problemas de sempre KK's
Mas gente,cade o povo? Será que a fic ta ficando tão ruim assim ? (Ihopenot)
Espero ver-los em breve,se não estiverem gostando de algo me avisem please?


Come As You Are

Venha como você estiver, como você já foi
Como eu quero que você seja, como um amigo,
Como um amigo, como um velho inimigo

Venha no seu tempo, se apresse
A escolha é sua, não se atrase
descanse, como um amigo

Como uma antiga lembrança, lembrança,

Nirvana


O som dos meus passos ecoavam por toda aquela sala com fila e filas de leitos,Brad estava no ultimo deles.Quando entrei pude ver-lo deitado em uma pequena maca meio velha,ele estava a tomar soro,havia também alguns curativos em sua face,ele parecia meio angustiado com tudo aquilo sob seu corpo,pra falar a verdade até eu fiquei um pouco,mas era necessário.

Seus olhos foram logo em minha direção assim que eu entrara, esperei uma enxurrada de xingamentos vindos em minha direção, mas meu irmão apenas virara a cabeça e fechara seus olhos.

Avancei até o pé de sua “cama” esperando por algo,qualquer coisa...Mas não acontecera nada.

-Esta com alguma dor? – perguntei receosa

-Não! Só quero sair desse inferno o mais rápido possível,não sei o porque de tanto tubo enfiado no meu corpo.

-O médico disse que vai te liberar amanhã de manhã.

-Amanhã? – ele parecera confuso

-É, quer dizer, tecnicamente hoje,já são mais ou menos 01:00 hora da manhã então...

-Isabella veja ...

O som da cortina do leito o interrompera,um médico de seus 30 anos no máximo entrara preenchendo um fixa atenciosamente,logo depois fora na direção de Brad examinar-lo,meu irmão parecia meio zangado com a situação,mas nada falou.

-Noite difícil a de ontem senhor Andrew?

Brad franzira o cenho em confusão,torci para que ele não tivesse esquecido seus nomes falsos.

-O senhor sabe, saideira sempre acaba com alguém machucado - ele dera um sorriso torto

-Sei como é,mas na próxima vez pegue mais leve,enfim ,assim que acabar de tomar seu soro o senhor estará liberado,volte se tiver alguma dor de cabeça ou problemas com sua visão.

-Pode deixar que eu voltarei caso isso aconteça doutor

O médico assentira e se retirara do local ,eu olhei para Brad que voltara a me fitar misteriosamente

-Eu não sei o que dizer,mas assim que você sair,eu pego minhas coisas de sua casa e irei embora,não se preocupe. – falei com complacência

Ele dera um pequeno gemido

-Não precisa sair de casa,talvez eu tenha sido meio duro.

-Meio?

-Não abusa Bells.

-Esta bem senhor Andrew,mas ainda assim,tenho que pedir desculpas pelo o que eu disse,eu fui meio cabeça dura,prometo não me meter mais na sua vida e na hã,do seu carro. –dei uma pequena risada involuntária

-Ótimo,já podemos sair daqui ir para casa assistir Titanic,logo depois ouvir Celine Dion e falar sobre rapazes.- ele disse sarcasticamente

-HAHA, muito engraçado ,mas é melhor você ficar e pelo menos terminar de tomar seu soro.Você sabe,por prevenção.

-Por prevenção? Eu estou internado ou estou perdendo minha virgindade?

-Brad ...

-Esta bem,vou ceder apenas dessa vez !

-Como quiser,enquanto isso eu vou tomar um café,você quer algo?

-Uma arma pra atirar na minha boca.

Revirei meus olhos e sai,virei o corredor dos leitos dando na sala de espera,ela era dividida por uma porta de vidro entre um recinto fechado e um lugar ao ar livre que mantia uma cafeteria,parecia mais uma praça do qualquer outra coisa.

Avancei em direção ao mesmo me encostando no balcão de madeira meio antiga que cheirava a verniz,me debrucei sob o mesmo ainda procurando por alguém que me atendesse.

-Humhum – pigarreei,uma moça de seus 20 anos saíra de lá de dentro com cara de poucos amigos.

-Pois não? – ela disse entredentes

-Um cappuccino por favor.

Ela assentira e fora fazer,me sentei no banco de frente ao balcão um tanto entediada.

-Um cappuccino – Uma voz com tom musical soara ,olhei para o lado reconhecendo o dono dela,meu estômago revirava só de pensar em como posso achar-lo atraente,depois de tudo ...

-Veja só quem esta aqui,o senhor brigão – esbravejei

-Veja só quem esta aqui , a Alice no pais das maravilhas – ele sorriu

-O que?

-Desculpe,é que você é tão avoada que parece estar em outro mundo as vezes.

-Eu prefiro estar.

-Presumo que quem esteja aqui é seu irmão não? – disse ele,presunçoso

-Obviamente,senão eu não estaria tomando café e sim na sala do médico.

-Tuche. – ele dera um sorriso torto

-Presumo que esteja aqui para ver esse corte horrível em sua boca.

-Não,senão eu estaria na sala do médico,ou na sala de espera.

-Tuche- disse derrotada

-Sabe – disse meio pensativa- Eu tinha uma visão sobre você destorcida,achava você um idiota e arrogante,egoísta,egocêntrico.

-E agora?

-Eu tenho certeza disso,eu achava que já tinha conhecido várias pessoas idiotas nessa vida,mas você se superou.

Ele dera um sorriso meio torto,seu olhar é vago,logo depois ele voltara se focar em mim com seus olhos ardentes.

-Se serve como defesa,eu não vou mais bater no seu irmão.

-“Apanhar” do meu irmão,você quis dizer?

-Reflita,ele esta sob cuidados médicos e eu não,o que lhe vem em mente?

Vacilei,tentei pensar em algo rápido para poder quebrar–lo

-Não, isso não serve como defesa – Tudo bem,não foi lá muito bom.

Chris abrira a boca para pronunciar algo,foi quando uma pequena garota de seus oito ou nove anos se aproximara,ela vestia uma camiseta branca e um macacão xadrez de um tom marrom,seu cabelo era ruivo meio puxado para o loiro,ele caia até um pouco mais abaixo de seus ombros,era branca como a neve seus olhos eram meio esverdeados,dependendo de onde você os olhava.

-Chris,eu estou melhor,não preciso tomar aquela injeção – ela quase implorara

-Ótimo,a gente vai pra casa,você piora e terá que voltar amanhã pra cá,bem na hora do seu concerto.

-Tudo bem – ela disse satisfeita

-Qual é Mary – ele se agachara na frente dela segurando em suas mãos – Você é a estrela do show,vai acontecer uma bagunça total se você não estiver lá.

Ela vacilara em sorriso meio manhoso,seus olhos correram por todo o Chris e logo depois pararam em mim,tentei fingir que não estava os observando encantada por achar um coração dentro do homem de lata,mas Mary fora um pouco mais rápido do que eu.

-Quem é você?

-Bom,eu ...

Chris me fitara carrancudo,depois soltou uma alta gargalhada

-Ela é a Alice no pais das maravilhas.

-Chris ... – Mary disse

-Meu nome é Isabella –falei me levantando e estendendo minha mãe,logo após percebi o quão estúpido fora eu dar a mão para uma criança,mas ela a apertara me deixando um pouco menos constrangida,enquanto Chris me olhava com zombaria.

-Chris é o seu ...

-Irmão – ele completara

-É,ele veio me trazer para o hospital por causa da minha crise alérgica,agora eu tenho que tomar uma injeção obrigada.

-Ou,bom...já que ele esta te obrigando a tomar a injeção você deveria pedir algo em troca.

Ela soltara um sorriso e olhara para seu irmão esperançosa,Chris bufara enquanto eu me vangloriava por dentro pela minha vitória,uma vitória infantil,mas justa.

-Esta bem,tudo que a madame quiser.

Ela sorriu

-Então,seu nome é Mary não?

-Uhum,Chris que escolheu.

-Ah!Bom,eu gosto de Mary,era o nome da minha mãe.

-Era? – Chris questionou

-Ela morreu em um acidente de carro junto com meu pai.

-Eu sinto muito- Mary disse cabisbaixa

-Não,tudo bem.

-Hã Mary,por que você não espera sentada ali,que eu já vou?

-Tudo bem.Tchau Isabella – ela dera as costas se afastando

-Sinto muito pelo seus pais – ele realmente pareceu se importar

-Tudo bem,a propósito,se isso te faz sentir melhor,você não é mais tão idiota assim agora.

-Deveria ficar feliz?

-Não sei – disse enquanto pegava minha bebida e pagava para a mulher – Te vejo por ai então – falei me afastando logo a seguir.


Narrado por Bill

Bati a porta do quarto do Tom ferozmente .

-Qual é o seu problema? Quantas vezes já pedi para não mexer em minhas coisas?

Meu irmão saíra da suíte de seu quarto com uma toalha de banho enrolada sob seu quadril,ele não pareceu se impressionar com minha fúria.

-Não sei,já perdi as contas – disse ele presunçoso

-É,mais continua mexendo !

-Para o seu bem!

-Para meu bem? – questionei incrédulo

Ele me olhou e me virara as costas,abrira logo em seguida uma gaveta de sua cômoda jogando um caderno sob sua cama,que logo depois consegui reconhecer-lo.

-Aonde você conseguiu isto?

-No seu quarto Bill,não acredito que roubou o diário daquela garota.

-“Aquela garota” tem nome,e o que eu faço da minha vida não é da sua conta- disse ao pegar o caderno de volta.

-Claro que é da minha conta,principalmente agora,com você agindo feito um louco.Roubar diário de garotinhas Bill! Sério mesmo?

-Eu não roubei,ela esqueceu no meu carro.

-Ah! Claro,ela esqueceu o caderno que guarda todos os segredos dela no seu carro,isso é tão normal – ele disse em tom de zombaria

-Tom,quer saber,não quero conversa com você agora,você é um idiota e estúpido,não tente me dar ordens,eu já sou bem grandinho e sei que eu estou fazendo – disse dando meia a volta avançando em direção a porta .

-Não quero mais que você a veja.- ele esbravejou

-O que? – me virei e o indaguei incrédulo

-É isso o que você ouviu.

- Me desculpe Tom mas eu não vou seguir suas ordens,você não é o meu pai.

-Bill,eu sei que ela queria demissão então eu já providenciei e papelada,vou enviar para ela amanhã,e eu simplesmente não quero que você a veja de novo.

-Como pode fazer isso? Você tem um parafuso solto?

-Não! Só estou tentando te proteger Bill .Aquela garota não gosta de você,para de ser tão obsessivo!

Não consegui acreditar em que eu ouvia.

-Eu não vou te obedecer Tom,pode parar de palhaçada.

-Ótimo – ele se exaltou mais – Agora ela esta empacando entre mim em você,se ela não ficar fora de nossas vida,eu fico fora da sua !

Abri a boca para falar depois a fechei novamente,meus joelhos começaram a tremer de raiva,senti meu corpo dormente,tentei deixar minha respiração num ritmo normal para poder voltar ficar um pouco mais “são”.

Tom esperou paciente,com seu queixo trincado.

Cerrei meu punho e fechei meus olhos a procura de complacência

-Ótimo,obrigado por nada Tom .

Sai de seu quarto abruptamente.




Gente,lá estava eu aqui na areas das fics e de repente percebi que Dear Diary ta com 4.000 visualizaçõs (PUTA QUE PARIU)
Hã,muito obrigada a quem vem ler minha fic ,mesmo não comentando nem nada,quer dizer,eu acho né ...
Enfim,só queroa agradecer mesmo,mas se quiserem comentar,da uma opinião serão mais que bem vindos
E óbviamente quero agradecer as leitoras que estão sempre comentando aqui,anyway,até o próximo capitulo
Beijos


Última edição por bia.babi em Qua Nov 02, 2011 11:50 am, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
writterfireball
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 1005
Idade : 19
Localização : Santo André/São Paulo
Data de inscrição : 14/08/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Buscador

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Seg Out 31, 2011 2:38 pm

Oooooh, Billzinho, não deixava assim não.
Mais, mais.
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://the-heir-of-suburbia.tumblr.com/
Sara Kaulitz2
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 1172
Idade : 19
Localização : Humanoid City
Data de inscrição : 22/05/2011

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Qui Nov 03, 2011 8:48 pm

Chegueei! Atrasada...mais cheguei! (=

Hahaha, até no Hospiital Chris e Bella se encontram! :']
Braaad, que boom que melhorou \o
É, Chris está se mostrando menos 'durão'
que Beautiful -q
Ixi o_o
Tom querendo mandar no Bill?
Confusão chegando... :\

Contiinua, continua liebe! *-*
Voltar ao Topo Ir em baixo
CASIDIZ*
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 769
Idade : 21
Localização : Rio de Janeiro
Data de inscrição : 08/03/2011

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Sab Nov 05, 2011 4:40 pm

Citação :
Gente desculpa a demora para fic,bom...Os mesmo problemas de sempre KK's
Mas gente,cade o povo? Será que a fic ta ficando tão ruim assim ? (Ihopenot)
Espero ver-los em breve,se não estiverem gostando de algo me avisem please?

Depois de muuuitos, e muuuuuuuuuuuuuuuitos anos eu volto...
Me desculpa pelo atraso Bia é que eu não tenho tido muito tempo para ler
e postar comentarios decentes, ale do que voce sabe como é a minha vida lá na escola
e com a chegada das provas finais tudo piora DDD: E quando eu entro no fórum geralmente
é para resolver uns assuntos e saio rapidinho :/
Mais agora eu consegui vim aqui e comentar a sua fic \o/
Que não é, nem está ficando ruim Wink

SahKaulitz escreveu:
Chegueei! Atrasada...mais cheguei! (=

Hahaha, até no Hospiital Chris e Bella se encontram! :']
Braaad, que boom que melhorou \o
É, Chris está se mostrando menos 'durão'
que Beautiful -q
Ixi o_o
Tom querendo mandar no Bill?
Confusão chegando... :\

Contiinua, continua liebe! *-*
A Sah disse tudo que eu ia dizer!!! *-*
Também fiquei feliz do Brad ter melhorado, com certeza
ele deu trabalho para o povo do hospital x.x'
É eu gostei desse "amolecimento" do coração do Chris, por mais que isso me deixe preocupada ¬¬2
O Tom querendo mandar no Bill??? O_O Isso definitivamente não vai prestar O:

Enfim, continua Bia yaya yaya yaya
E me desculpe pela demora! Wink ^^
Voltar ao Topo Ir em baixo
bia.babi
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1235
Idade : 19
Localização : Santo André/SP
Data de inscrição : 20/06/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Dom Dez 11, 2011 4:58 pm

Mayara:KK's pode crer que ele não deixou de lado
Sah:Pois é né,esse destino esta aprontando legal com os dois./Sim sim,finalmente Chris não parece mais tão filho da put* quanto antes./Nem confusão é Sah,quem dera que fosse,o pior é fazer as coisas por escondido do outro DDD :
CASIDIZ*: Eu te entendo CASIDIZ*,tem que se dedicar mesmo senão acaba bombando no final do ano,o atraso não da nada não,fico feliz que você tenha chegado Very Happy / E como deu trabalho,imagina se ele acordasse puto e saisse do hospital com aquelas roupas e com soro pindurado (kk,seria uma ótima cena) /Sim.pelo menos uma vez parece que Chris é um humano e não um robo /Sim,aborrecimentos futuros podem acontecer nessa coisa toda,mas não tiro a razão do Tom por um lado !!

Estou de volta,minha inspiração resolveu tirar férias por isso a demora.Enfim,fico feliz ao saber que a fanfic não esteja um desastre total e que ainda tenho leitora \o/ (mas entendo também como estava sendo,final de ano,provas,nem eu tinha tempo pra nada )
Bom aqui esta um novo capitulo,espero que gostem pois não gostei muito,nao consegui expressar totalmente as emoções,por isso mesmo o capitulo que vem pode demorar.Ele vai ter que estar perfeito para o que vai acontecer.
Enfim,uma ótima leitura a todas.
Ah! Ja ia me esquecendo,finalmente consegui encontrar um foto apresentável para o Cam,então quem estiver curiosa vá a primeira página ver a apresentação dos personagens :DDD



31° capitulo

Heart-shaped Box


"Podia ser só amizade, paixão, carinho, admiração, respeito, ternura, tesão. Com tantos sentimentos arrumados cuidadosamente na prateleira de cima, tinha de ser justo amor, meu Deus?"
Caio Fernando de Abreu


05 de julho

Finalmente lhe achei diário,nunca imaginária que teria te perdido no carro de Bill,espero que ele não tenha lido.
Estive relendo você,nunca percebi que eu poderia parecer meiga em algum dia de minha vida,não sei se fico feliz ou triste...

Enfim,o mês passou muito rápido,ainda tenho uma vaga memória de primeiro de maio,fazia quatro anos do acidente e eu ainda tinha um teto respeitável,é incrível olhar para nosso passado e perceber como as coisas mudaram,mas é como dizem,hora de virar a página.

Bom,consegui passa na prova para faculdade,não sei se posso dizer que fico surpresa,sei que pareço meio presunçosa por pensar assim mas a prova nem fora tão difícil e o numero de vagas era equilibrado para o certo numero de alunos,então nem me dei ao trabalho de ficar preocupada.

Comecei a fazer há alguns dias o curso de jornalismo.Recebi muitos conselhos sobre o mesmo,criticas boas e ruins e um breve comentário de Bill pedindo para não ser igual a algumas pessoas baixas da mídia ao inventar certas histórias,custei e explicar para ele que isso não é jornalismo e sim sensacionalismo .

Falando em Bill,que saudades eu sinto dele,acho que não o vejo a quase um mês,ele veio aqui em casa para me entregar um cheque e depois nunca mais dera noticias.Será que fiz algo de errado?

Enfim,ainda estou a procura de emprego , ainda não estou tão desesperada pois tenho o dinheiro que vinha guardando para emergência e o cheque gordo de Bill,mas me sentiria muito melhor com a segurança de um trabalho .

Vou deixar minha cabeça vazia por hora,vou aproveitar esse final de semana pois Cam vem me visitar então já é algo bom .





Três batidas na porta me despertaram de meus devaneios ao diário.Coloquei o mesmo debaixo da cama que Brad me comprará num átimo e fui em direção a porta.

Abri a mesma com uma animação meio estúpida mas necessária.Cam me fitara com um olhar de zombaria pela minha perceptível ansiedade.Ignorei sua apatia e pulei sobre ele ,enroscando meus braços em volta de seu pescoço e pousando minha cabeça em seu peito,um abrigo perfeito.

-Tudo isso é saudade ou você quer algo? – ele questionara,sua voz doce soara como melodia para meus ouvidos.Ah! que falta de meu amigo.

-Senti sua falta,parece que não te vejo a décadas.-murmurei

-Sinto o mesmo – ele se desprendera de mim – Teria vindo antes, mas não tive muito tempo então ...

-Eu te perdôo – disse irônica

-Ah! Obrigada ó grande Isabella.

Caímos na gargalhada que me dera até uma sensação de deja – vu.

-Entra,fique a vontade,bom,como se eu precisasse falar isso não? – ele sorrira entrando logo atrás de mim.

Seus olhos observavam cada centímetro de casa.Esperei agoniada para seu veredicto final.

-Tem certeza que não quer morar debaixo da ponte Bella?

-Eu pensei nisso mas não tem televisão a cabo então...

Ele sorriu então e depois se jogara em minha cama.




Ficamos deitados praticamente o dia inteiro,a base de refrigerante e pizza.Cam até dera a idéia de sair,tomar um pouco de Sol,dissera ele que eu estava muito pálida,com uma imagem de doente mas seu colo era mais convidativo do que ficar na rua então dei uma desculpa dizendo que amanhã iríamos para onde ele quisesse.

Nossa animação sobre os primeiros assuntos foram incansáveis,falamos sobre como passaram esses últimos tempos,sobre trabalhos,o que fizemos,planejamentos para o futuro e sobre a faculdade.Cam aproveitara o tópico para me dar um bronca por não ter ido para Stanford.Se fosse em uma outra ocasião eu chegaria a tentar um discussão sobre os motivos de minha desistência,mas eu estava cansada demais e feliz demais para isso,então ouvi seu sermão sem me pronunciar.

-Então – tentei mudar de assunto – Como vai sua vida amorosa?

-Tão parada que pode virar um foco de dengue – disse ele cabisbaixo – E as suas? – ele pareceu mais alegre

-O mesmo.

-Sério? – sua expressão de surpresa me assustou – Pensei que estivesse saindo com seu ex-chefe.

-Por que pensou isso?- Questionei incrédula

-Não sei como explicar. Ah! Esqueça !!

Abri a boca para objetar sobre o relacionamento imaginário entre mim e Bill que Cam inventara,sendo interrompida pelo meu celular que soava alto logo ao meu lado.

Bufei e o atendi.

-Alo!-pareci meio grossa

-Isabella? – uma voz ofegante soara

-Sim,pois não?

-É o Bill! – Me senti meio idiota por não reconhecer sua voz,mas ela estava tão diferente,mais grossa acho. Ainda assim havia um frenesi me possuindo.

-Uau,a quanto tempo,nem acredito que é você.- disse ao me levantar da cama,estava agitada demais para conseguir ficar parada.Meu sorriso mau cabia em meu rosto.

-Quem é vivo sempre aparece – ele disse apreensivo,apesar de sua “piada” – Tem planos para hoje a noite?

-Se eu tenho planos para hoje? ...– repeti mais calma.Olhei para Cam que objetara com a cabeça –Não,acho que não.

-Gostaria de te levar dar uma volta,preciso conversar com você,é importante.

-Tudo bem,a que horas você irá passar aqui?Porque já 20:00 então ...

-Seria paranóia se eu lhe dissesse que estou virando a esquina da sua casa?

-Um pouco- disse entre risos – Vou colocar uma roupa decente,é rápido.

-Tudo bem,sou o cara bonito com um carro preto logo a frente .

-Ok,obrigada pela discrição,te vejo em alguns minutos- disse desligando o telefone

Virei para Cam que mandara um sorriso malicioso

-Sem um piu!– esbravejei – Eu vou me arrumar,você me espera ,não devo demorar.

-Tudo bem,vou testar sua televisão a cabo.Tenha um ótimo encontro.

-Vá se ferrar! – gritei ao ir me aprontar.



Procurei algo apresentável em meu guarda roupa mas não havia muitas opções.Suspirei frustrada e acabei vestindo um calça jeans qualquer e uma camiseta xadrez.Desejava parecer melhor do lado de Bill,mas lembrei de sua beleza angelical incomparável,tanto que chega a ser cruel com o resto das pessoas.

Tentei me conformar que eu não conseguiria ficar melhor do isso e sai.A primeiro momento pude ver sua silhueta sob a luz,ele estava encostado no carro mas parecia um pouco distante de si.Me aproximei vagarosamente o observando,sua beleza parecia resplandecer ainda mais sob o luar,o que eu pessoalmente pensei que fosse impossível.Seu traje era simples,mas o deixava tão elegante quanto suas roupas de grife.Seus braços pareciam mais fortes do que a ultima vez que o vi,seus ombros estavam um pouco mais largos,mas não retiraram sua beleza anterior,apenas mudaram.E por ultimo mirei em seus rosto,as linhas tênue de sua face não haviam mudado,no lugar daquela sombra preta que tanto destacavam seus olhos estava apenas um traço fino de lápis.

Assim que ele me vira ele ficara me fitando por alguns minutos numa surpresa muda.Um pouco vergonhosa para ambos os lados diga-se de passagem

-Bella!

-Oi - falei.Logo em seguida Bill me pegara em um abraço de urso.Foi um pouco estranho pois nunca o vi ser muito afetivo com ninguém a não ser com fãs mas sem exceções .

-Nossa,como você esta diferente – disse ele ao me colocar no chão.

-Posso lhe dizer o mesmo.

Ele dera um sorriso

-Andei fazendo natação,as vezes vou na academia também – disse cheio de si.Fora engraçado ver-lo meio versão Tom. – Desculpe-me,estou sendo um tanto egocêntrico.Enfim,entre - Ele abrira a porta do carro.

Pulei para dentro do mesmo e ele logo em seguida.Os pneus cantaram enquanto seguíamos para o leste.Suas mãos pareciam grudadas no volante.A expressão de sua face havia ido de serena a dura.Confesso que ficara meio receosa com sua mudança de humor constante desde sua ligação,ele dissera que tinha que conversar comigo então presumo que seu humor instável deve estar ligado a isso.Só não consigo imaginar algo que possa fazer alguém parecer confiante e atordoado ao mesmo tempo.

O silêncio era agonizante,a musica de fundo não estava ajudando muito,era um tanto melancólica para o momento.Encostei minha cabeça sob o banco com uma ponta de felicidade ao vislumbrar a praia,o barulho do mar batendo sobre as rochas me acalmaram,tentei me focar nele e esquecer o que estava em minha volta.

-Esta chorando?- Bill questionara parecendo pasmo a apavorado ao mesmo tempo.

Eu não havia percebido que estava em prantos.Passei a mão sob minha face ao tentar fazer com que as lagrimas parassem de rolar.

-Geralmente quando fico muito concentrada no mar eu choro.- disse entre soluços

Ele pareceu aliviado

-Memórias?

-Não,é apenas que perto dele ficamos tão pequenos,insiginicante...

Ele franzira o cenho

-Nunca parei para notar.- dizia ele reduzindo o carro,parando logo a beira da praia. – Então você diria que te trouxe para o lugar errado para darmos uma volta? – ele parou por um momento para se focar em mim.Bem naquele instante que eu não gostaria de atenção ele me dera toda ela.

-Ao contrário,prefiro ela a noite.

- Ótimo – ele saíra num átimo do carro

Hesitei com a mão na maçaneta tentando prolongar a sanidade em mim.Respirei fundo e abri a porta com pouca vontade,com medo do que virá a seguir.
Voltar ao Topo Ir em baixo
LavinyBkauTkauGG
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 524
Idade : 20
Localização : Onde judas perdeu o par DIREITO das botas
Data de inscrição : 08/10/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Outro

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Dom Dez 11, 2011 5:26 pm

okok esse capitulo esta ótimo na minha opinião ahha novidade néah dona Bia vc me deixar curiosa no final .
achando que o Bill e bipolar.
consciência on
nen toda pessoa que muda de humor rápido e bipolar guria
eu** haha para pra mim ele uma pessoa assim e bipolar
as vezes me pergunto se queriam me destruir quando me colocaram como sua consciência.
eu*8 isso e um insulto a minha pessoa, você fala direito comigo porque eu sou uma pessoa muito normal
normal kkkkkk me poupe néah
eu** ai sai daqui você ja ta me deixando irritada
consciência off
continuee
Voltar ao Topo Ir em baixo
bia.babi
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1235
Idade : 19
Localização : Santo André/SP
Data de inscrição : 20/06/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Qui Dez 29, 2011 10:33 pm

Laviny:KKK 's hoje voce vai descobrir o porque dele parecer bipolar,se bem que e acho que vc ja desconfia do porque /Consciência você voltou \o/ .Vocês duas sempre brigando não? mas adoro quando estão aqui,mas por favor façam as pazes? *-* (não gosto de briga D: )/
Continuo sim Laviny,uma ótima leitura liebe

Bom,cá estou com mais um capitulo,digo que não saiu como eu esperava mas espero que gostem.
Fiquei muito feliz pelo resultado dos votos mas triste pelos comentários,agradeço a Laviny por estar aqui fiel mas estou a espera dessas pessoinhas que votaram Ok?E sério gente,comentários me fazem querer escrever,é bom saber que tem gente que gosta de ler a fanfic,e gostaria de saber a opinião de vocês,me deixa mais empolgada.Se não estiveram gostando da fanfic por favor me avisem,se estiver ficando chata,com uma escrita ruim me avisem,não tenham vergonha.É tudo que peço a vocês,para poder deixar Dear Diary melhor para vocês
Bom,estou começando uma nova fanfic em parceria com a Maddu,vou me focar nessa nova fic enquanto espero as leitoras daqui,qualquer coisa me mandem MP ok?
Espero não ter que abandonar-la por falta de leitora,pois essa é minha fic preferida,meu bebe vamos assim dizer
Enfim,brigada pela atenção,até breve

PS:Créditos a Laviny pela piada do Cam em "Heart shaped box"





Like an angel


Eu me arriscaria de novo, cairia, levaria um tiro por você
E preciso de você como um coração precisa bater, mas isso não é novidade (Yeah, Yeah)
Eu amei você como um fogo-vermelho, e agora está se tornando azul,
e você diz
"Sinto muito", feito um anjo, céus, deixe-me pensar que era você
Mas eu temo...

Apologize


-Meu Deus Bella,como você anda devagar – disse Bill sorrindo

Ele estava há alguns passos logo a minha frente.Arfei cansada,arrastando – me para mas perto.

-Você que anda muito rápido,é diferente.- disse sem muito fôlego

-Talvez,acho que estou meio agitado,hoje em particular .

-Muito trabalho? – perguntei serena

-Não,na verdade estamos na etapa final ,é algo mais particular... – Bill evitara olhar para mim

-Gostaria de compartilhar ou esta mais para segredo de estado?

Ele dera um breve sorriso torto,desacelerando seus passos

-Era sobre isso que eu gostaria de falar– Disse Bill,um tanto cauteloso – Não sei se percebeu mas...

Ele fora interrompido por sweet child o’ mine.A principio fiquei a espera da musica parar,logo depois fora cair a ficha que era o toque de meu celular.

-Me desculpe- disse ao desligar o mesmo

-Não tem problema,não vai atender?

-Não,era apenas uma mensagem,deve ser Chris falando sobre nosso trabalho- esclareci

- O mesmo Chris do restaurante? – sua face enrijeceu

-É,temos algumas aulas juntas- admiti

-Com tantas pessoas na sua sala tinha que escolher logo ele?- Bill rosnara

Me encolhi meio receosa ,creio que minha expressão de medo tenha ficado aparente,pois logo em seguida ele se afastara.

-Ele não é tão mau assim – murmurei

-Ele socou seu irmão Bella!

-Esse tópico já fora esclarecido Bill- disse meio cabisbaixa ,tentando encerrar o assunto inconveniente.

De repente ele parara na minha frente,tenso,com seus punhos cerrados.Ele me fitara com um olhar duro mas ao mesmo tempo parecia indignado.

Fiquei paralisada,completamente desnorteada para lembrar de como me mover.Nunca o virá agir assim antes.



-Não acredito nisso! – ele esbravejara – Como você pode enjoar tão fácil das pessoas?

-Enjoar?- sussurrei depois de longos minutos – Como pode dizer isso?

-Você era apaixonada pelo Tom e agora esta com o Chris,que tipo de ser humano é capaz disso?

O encarei abobada,tentando encaixar as peças para entender o que se passava em sua mente.

-Em primeiro lugar eu não estou com o Chris e em segundo lugar,como você sabia sobre o Tom?

Ele nada dissera,mas depois de alguns segundos em torpor consegui entender a situação.

-Você leu meu diário ?– parecera mais uma afirmação,mas sem delongas ele respondera com um breve “Li” não parecendo ter remorso.

- Qual o seu problema?Nunca ouviu falar em privacidade?- Esbravejei.Ele dera de ombros.

Sua inércia me irritara mais.

-Por que esta tão brava?Não tinha nada demais na maioria do seu Dário

-Se não tinha nada demais por que você o leu?

-Você quer realmente saber? – Ele arqueara uma das sobrancelhas.

Logo em seguida ele se aproximara perto o bastante para poder sentir seu ar gélido sob minha face,por um momento pude ouvir seu coração bater num ritmo acelerado,até musical.Fora quando me vi de volta ao torpor.

-Eu estou apaixonado por você Isabella – Disse Bill numa voz baixa e segura – Eu te amo,confesso que nunca senti nada parecido por ninguém,sinto frenesi toda vez que eu te vejo ou ouço sua voz.Pode sentir? – ele colocara minha mão sob seu peito – Você o faz acelerar.Precisa me dizer Bella,sente algo por mim?Por mais insignificante que seja?

Eu o encarei por um longo tempo,pasma,desnorteada.

-Bill,eu..eu sinto muito .- as palavras saíram sem perceber

-Eu ...- ele se interrompera,parecia que algo o obstruíra,mas ele não tentara se livrar. - ...acho melhor irmos embora.

-Não!-gritei- Bill,não é você ...

-Não é você,sou eu? Certo? É clichê demais Bella- disse ele um tanto amargo

-Mas é verdade,acredite,se eu pudesse eu me apaixonaria por você,é tudo o que eu queria mas não posso- minhas palavras não conseguiam sair mais altas do que um sussurro

-Tom tinha razão- pareceu que ele falara consigo mesmo

-Sobre?-indaguei angustiada

-Eu deveria ficar longe de você.

Absorvi suas palavras,até demais,pareciam lâminas afundando em meu cérebro,lentamente.Minha cabeça começara a doer ao pensar em sua ausência por um segundo a mais de minha existência .

-Você estava pensando e por em pratica?-indaguei apreensiva e sufocada pelo medo – Por que você não pode.Eu sei que eu estou sendo egoísta mas eu preciso de você.Me desculpa por ser essa pessoa detestável mas é a verdade,você faz parte da minha vida agora Bill,você não pode,você não pode fazer isso-supliquei ,um surto irracional de pavor estava me inundando,só de pensar em nunca mais poder ver-lo,tocar-lo ...

-Por que tanto pavor ? – ele afagara meu cabelo,logo em seguida limpando as lágrimas que teimavam em rolar sob minha face – Não era eu quem deveria estar em prantos?

-Não me deixe.

-Bella,mesmo se eu quisesse não poderia.Eu te amo tanto que chega a doer,me machuca.

-Eu te machuco? – as lâminas adentraram em meus coração,tive uma certeza súbita que mereci tudo que adquiri em minha vida.Como um ser um humano é capaz de ferir um anjo como ele? Isso é digno de ódio,eu sou digna de ódio,sinto repulsa de tudo sobre mim.

-Bill. ..- ergui meu olhar para sua face,dessa vez ele estava em prantos.Acariciei seu rosto e logo depois me enterrei em seu peito ,as batidas de seu coração não eram mais musicais,mas me fazia feliz por poder estar perto o bastante para ouvir,mesmo não o merecendo – Eu te amo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
LavinyBkauTkauGG
Big Fã
Big Fã


Número de Mensagens : 524
Idade : 20
Localização : Onde judas perdeu o par DIREITO das botas
Data de inscrição : 08/10/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Outro

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Sex Dez 30, 2011 3:48 pm

Ok esse cap foi meio dramatico mais perfeito
haha eu sabia... sabia, que o Bill amava ela issso tava na cara, ownt sera que eles namoram q lindooo.cap
continuaa liebee
Voltar ao Topo Ir em baixo
writterfireball
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 1005
Idade : 19
Localização : Santo André/São Paulo
Data de inscrição : 14/08/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Buscador

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Sex Dez 30, 2011 6:51 pm

LavinyBkauTkauGG escreveu:
Ok esse cap foi meio dramatico mais perfeito
haha eu sabia... sabia, que o Bill amava ela issso tava na cara, ownt sera que eles namoram q lindooo.cap
continuaa liebee
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://the-heir-of-suburbia.tumblr.com/
CASIDIZ*
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 769
Idade : 21
Localização : Rio de Janeiro
Data de inscrição : 08/03/2011

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Dom Jan 01, 2012 5:20 pm

Bia me desculpe a demora :'( mais agora eu tentarei fazer o possível para postar meus comentários todos direitinhos, pois sei que eles são muitos importantes para uma escritora Smile
E eu realmente gosto bastante dessa sua fic, ela é muito linda!!! :*-*:

Ahhhhhhhhh *----* Amei os capítulos, estão muito lindos doce
O Bill está tão egocêntrico só por que deu uma encorpada kkkkkkkkkkkkk
Tão lindo ele assumindo que ama a Bella e ela se dando conta que também ama ele também fofa2
Sério, AMEI DEMAIS os capítulos, e espero desesperadamente ansiosa pelo próximo :*-*:
Continua logo, please yaya yaya yaya
Voltar ao Topo Ir em baixo
bia.babi
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1235
Idade : 19
Localização : Santo André/SP
Data de inscrição : 20/06/2010

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Ter Jan 17, 2012 8:11 pm

Laviny and Mayara: Sim sim foi bem dramatico./Bill ama muito a Bella e eles realmente formariam um belo casal,pena que não vai ser possivel por agora ,bom....vamo esperar né/Uma ótima leitura para vocês
CASIDIZ*:Muito obrigada pelo esforço liebe.Fico feliz em ter leitoras fiéis como vocês e por isso continuo escrevendo./Sério mesmo que você amou o capitulo *-------* ? Ownn /Yep,e quem não ficaria egocêntrico com um corpo daquele /Sim o Bill ama demais ela mas sinto informar que aquele "te amo" da Bella foi por pura amizade,eles ainda não vão ficar juntos Sad / Claro que continuo .Uma ótima leitura para você Wink

Bom voltei gente com mais um capitulo..Fico honrada pelos votos realmente,eu iria pedir para que aqueles que votaram dessem sua opinião para a fanfic mas vocês que decidem,é apenas para manter ela melhorando .
Enfim,boa leitura a todos.Espero que gostem do capitulo (sinceramente não gostei muito)





33° capitulo
Bad influence


O tempo é muito lento para os que esperam
Muito rápido para os que tem medo
Muito longo para os que lamentam
Muito curto para os que festejam
Mas, para os que amam, o tempo é eterno.

William Shakespeare



Agosto



Setembro



Outubro



Novembro




Narrado por Bill

O tempo passa,por mais inacreditável que se possa ser.Mesmo quando o Sol não pareça mais tão radiante quanto no dia anterior,ou o semblante do crepúsculo que parece ser o ultimo .O tempo passa,enquanto sou apenas uma casca que vaga por ai.






















Tom soltara um pigarro apartando minha atenção.

Levantei meu olhar de meu prato de burrata,estava remexendo minha comida a quase meia hora sem muita fome,apenas apreciando.

-Não vai comer? – ele sibilou

-Por que? Quer minha burrata? – dei de ombros

- Não...Só estava te observando.Espero que você esteja com um ânimo melhor quando formos para reunião.-esclareceu ele
-Eu estou bem – não tardei a responder – Só cansado.

-Esta vem sido sua resposta nos últimos meses,desde que aquela va...

-Tom!- o interrompi –Não é porque não estou falando com a Bella que você tem o direito de ofender-la na minha frente.Já fiz o que você queria,poderia fazer o favor de pelo menos insultar-la longe de mim?

-Esta bem – concordou de má vontade – Mas eu só estou preocupado com você,sou seu irmão gêmeo .Qual é!

-Estou bem – disse um tanto presunçoso –Para falar a verdade marquei um encontro com a Cherie .

-A Cherie gostosa ?A que dava em cima de você ?- ele mordera o lábio inferior.Se não o conhecesse diria que esta tendo alguma fantasia sexual com ela.Que repugnante.Logo a minha frente?

-A não ser que você conheça outra – murmurei já tedioso com o diálogo que não parecia levar-nos a lugar algum.

-Ótimo – ele quase berrara com um sorriso aberto de canto a canto de sua face.Sua felicidade repentina era assustadora – Finalmente sua “Torre de Pisa inclinada” servirá para alguma coisa.

O fitei dando uma pequena risada involuntária

Narrado por Bella

Desde o principio não me parecera um boa idéia,mas apenas para variar eu concordei .Não seria a primeira vez que Lizi me chamara com acompanhar-la na boate,sempre recusei com desculpas tão patéticas e tediosas que não entendo como ainda me convidava.Decidi aceitar numa expectativa irracional de que algo de muito bom me acontecesse,uma idéia demasiada banal ao se repensar.

O arrependimento já estava a pesar em meu peito no carro a caminho da boate.Minha inquietação no banco do passageiro parecia incomodar-la.

-Você nunca foi a uma boate antes não? –Lizi indagara ao parar no sinal vermelho,apartando sua atenção da estrada para mim.

-Não sou muito chegada em aglomeração,musica alta ...

-Então você nunca se divertiu . É só se acalmar,se não gostar eu te levo de volta pra casa.

Assenti agradecida

Percorremos todo o trajeto em silêncio,não tardara para chegarmos no tal lugar.Não havia percebido que Lizi reduzira a velocidade do carro para estacionar ,em decorrência disso assim que ela o parou tomei um susto achando que estávamos a ponto de ser assaltadas.

A boate não era tão má quanto eu pensei,por ser um lugar cujo não deveria existir até que era boa.

Não era um lugar para dançar,me sinto um tanto hipócrita por ter pensado nisso.Parecia mais algum tipo de bordel talvez,com luzes fracas e musica demasiada alta.Fico feliz pela precariedade do recinto,pois assim não consigo ver o que estão fazendo perto de mim,mas tenho certeza que deve ser algo asqueroso.

Segui Lizi em direção ao bar .Ela se inclinava sob o balcão a procura do barmen que para nosso sorte ou azar aparecera.Aparentando não ter menos do que seus 35 anos,coberto por tatuagens e algumas manchas que eu tentava me fazer acreditar ser tatuagens também.Não consigo explicar o “por que” e nem o “como” mas sua face me assustava.Talvez me lembrasse algum serial killer ...

-Duas vodkas por favor – Lizi pedira

-Espero que sejam para você,pois eu não vou beber esta noite. – Havia decido quando saíra de casa.É melhor me manter sóbria considerando quão fico bêbada rápido,para evitar atos idiotas.E visto pelo local tomei uma sábia decisão.

-Como quiser,então você dirige - ela dissera,bebericando um pouco de seu drink. –Já volto,vou ao banheiro.

Assenti enquanto ela se retirara com dificuldade de passar por entre tantas pessoas.

Sentei-me perto do bar com ânsia por voltar para casa.Meu estômago estava a se revirar,acredito eu por causa meu almoço de cinco reais perto da faculdade,nada que regurgitar não resolvesse.

Despertei de meus pensamentos ao visualizar um homem vestido informalmente vindo em minha direção ,não parecia ser muito mais velho e também não aparentava ser o tipo de cara que viria apenas passar alguma cantada repulsiva.A medida que se aproximava pude perceber suas roupas sujas e rasgadas como se tivesse fugido de alguém.Me levantei a fim de despistar-lo mas num átimo ele já estava em minha frente,pude sentir sua respiração acelerada sobre minha face.

-Ei,e ai ?Nova no pedaço? - Seu hálito monstruoso viera rapidamente dando-me vontade de parar de respirar.

-Sim ... – respondi automaticamente.


-Sei de um bagulho que vai te deixa doidona ...

-Muito obrigada mas eu não quero . – disse saindo com passos largos e rápidos.Minha respiração parecia começar a falhar quando fui puxada pelo meu braço bruscamente,as mão do tal homem apertavam-me com tamanha força que tivera vontade de gritar ou chorar.Pude sentir minha circulação se tornar vagarosa enquanto meu coração quase pulava pela minha boca.

Fechei meus olhos em uma prece que Lizi aparecesse e tirasse-me daquele lugar hostil.De repente pude ouvir um estrondo que deixou até aquela musica desagradável em um som baixo.Logo a seguir as pessoas começaram a correr para as saídas,era assustador o modo como elas se pisoteavam para conseguir ir embora.Fora então que me vi livre do tal homem,automaticamente meus olhos o procuraram para confirmar que sua presença já não estava tão perto e fora então que pude ver-lo saindo pelos fundos,também pude ver a policia adentrando no local com violência.Uma ponta de felicidade e segurança se apossaram de uma parte de mim,logo depois lembrei que legalmente eu não deveria estar aqui já que ainda sou de menor.

Fora então que entendi o porque das pessoas correndo.

Não tardei a tentar passar por elas mas não havia caminho, não havia nenhuma fresta entre os corpos espremidos presos na única saida.Tentei empurrar-los furiosamente,sem sucesso.Se tornara fisicamente impossível sair daquele lugar .

Fora então que senti alguém tentando puxar-me de volta ao inicio,a principio pensei que fosse Lizi mas a pessoa era forte demais.Tentei libertar-me temendo que fosse o tal traficante novamente.Logo após pude sentir seu braço se enroscar em minha cintura erguendo-me do chão .Revirei minha mente na tentativa de lembrar das aulas de defesa pessoal,conseguira recordar apenas de como socar o nariz de seu agressor.Inútil naquele momento pois não conseguia ver sua face.

Então comecei a gritar por socorro o mais alto que pude, mas minha voz pareceu dissipar sobre toda a algazarra.

Para minha sorte os meus berros agudos devem ter assustado o psicopata,pois logo a seguir ele me colocara no chão.Mas não me libertara,ele ainda segurava meu pulso parecendo tomar cuidado.Desta vez pude perceber que ele não queria machucar-me.

Virei de modo que pudesse ver seu rosto.Senti um imenso alivio ao ver alguém familiar.

-Você quer ou não sair daqui? –Chris sussurrou em meu ouvido
Voltar ao Topo Ir em baixo
D'Julia kaulitz
Fanática
Fanática


Número de Mensagens : 1573
Idade : 20
Localização : Curitiba
Data de inscrição : 13/08/2011

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Qui Jan 26, 2012 1:55 pm

leitora nova !

adorei a fic...

quero mais capitulos rapido.. Very Happy
Voltar ao Topo Ir em baixo
CASIDIZ*
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 769
Idade : 21
Localização : Rio de Janeiro
Data de inscrição : 08/03/2011

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Sab Jan 28, 2012 10:34 am

Citação :
CASIDIZ*:Muito obrigada pelo esforço liebe.Fico feliz em ter leitoras fiéis como vocês e por isso continuo escrevendo./Sério mesmo que você amou o capitulo *-------* ? Ownn /Yep,e quem não ficaria egocêntrico com um corpo daquele /Sim o Bill ama demais ela mas sinto informar que aquele "te amo" da Bella foi por pura amizade,eles ainda não vão ficar juntos / Claro que continuo .Uma ótima leitura para você
De nada liebe Wink eu demoro mas chego kkkkkk. Fico feliz em saber que te incentivo *-*
Realmente gostei muito do capitulo, ficou muito lindinho *www*
Que peninha que eles ainda não vão ficar juntos Crying or Very sad Crying or Very sad Crying or Very sad

Nossa esse capitulo me surpreendeu muito 'O'
Aconteceu tanta coisa de repente, e de forma tão rápida
Estou com muita pena do Bill :/ E agora a Cherie vai conseguir o que queria :S
Nossa, fiquei muito preocupada com a Bella, mas ainda bem que era o Chris e que o traficante foi embora pale

Enfim, continua logo liebe ;-) yaya yaya yaya
Voltar ao Topo Ir em baixo
Sara Kaulitz2
Mega Fã
Mega Fã


Número de Mensagens : 1172
Idade : 19
Localização : Humanoid City
Data de inscrição : 22/05/2011

Minha ficha
Como conheceu o fórum?: Site TH BRASIL

MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Dom Jan 29, 2012 3:00 pm

CASIDIZ* escreveu:
Realmente gostei muito do capitulo, ficou muito lindinho *www*
Que peninha que eles ainda não vão ficar juntos Crying or Very sad Crying or Very sad Crying or Very sad

Nossa esse capitulo me surpreendeu muito 'O'
Aconteceu tanta coisa de repente, e de forma tão rápida
Estou com muita pena do Bill :/ E agora a Cherie vai conseguir o que queria :S
Nossa, fiquei muito preocupada com a Bella, mas ainda bem que era o Chris e que o traficante foi embora pale

Enfim, continua logo liebe ;-) yaya yaya yaya
Desculpe a demora Bia, tive alguns problemas :\

Deeemorei, mais cheguei. kk
Concordo com tudo o que a CASIDIZ* disse, ><
Continue logo por favor liebe *----*
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Dear Diary(unknown )   Hoje à(s) 1:18 pm

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Dear Diary(unknown )
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 8 de 10Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Dear Diary(unknown )
» One Direction - Tour Video Diary 2011
» Video Diary 2
» Regresso ao Futuro
» [STARCAST] Central and South America photo diary by Key from SHINee

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
TH BRASIL OFICIAL - Fórum :: Fan Stuff :: FanFics-
Ir para: